Prefeitura abre processo seletivo para contratar 31 médicos na Saúde

Contratação em regime da CLT é para médicos e técnicos e inscrições acontecem entre os dias 10 e 12
quinta-feira, 06 de dezembro de 2018
por Paula Valviesse (paula@avozdaserra.com.br)
Prefeitura abre processo seletivo para contratar 31 médicos na Saúde

 

A Prefeitura de Nova Friburgo publica nesta quinta-feira, 6, no Diário Oficial, em caderno anexo nesta edição de A VOZ DA SERRA, um decreto que estabelece a abertura de processo seletivo para a contratação temporária de médicos e técnicos de enfermagem e de laboratório pela Secretaria Municipal de Saúde. O concurso conta com 31 vagas e as inscrições, gratuitas, serão realizadas somente de maneira presencial, da próxima segunda-feira, 10, até quarta-feira, 12, das 10h às 16h, na sede da secretaria, que fica na Avenida Alberto Braune, 224, 2º andar (antigo prédio da Oi).

O processo servirá para preencher 18 vagas remanescentes de processos seletivos anteriores e abrirá 13 novas vagas no quadro de servidores da Saúde do município. Entre as especialidades médicas estão: psiquiatra (8 vagas); psiquiatra infantil (1); médico intensivista (3); pediatra (6); neurologista (1); reumatologista (3); angiologista (1); pediatra neonatologista (4) e odontólogo buco-maxilo-facial (1). Já para o quadro técnico estão abertas vagas para: enfermagem (2) e técnico de laboratório (1).

O concurso terá uma única etapa, que consiste em uma prova de títulos, de caráter classificatório, cuja avaliação será por meio dos critérios da Tabela de Barema. A respectiva pontuação está estabelecida no edital. Os documentos necessários, as competências de cada cargo, assim  como o formulário que deve ser preenchido pelo candidato e levado até o local de inscrição, estão disponíveis no site da prefeitura, pelo endereço eletrônico: http://www.pmnf.rj.gov.br.

A prova de títulos será realizada na próxima quinta-feira, 13, e a previsão da Secretaria Municipal de Saúde é que os primeiros classificados no processo seletivo sejam convocados no dia 18, conforme o número de vagas a serem preenchidas, através de portaria publicada no Diário Oficial. Os aprovados serão contratados por prazo determinado, pelo regime da Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT).

Existe ainda a possibilidade dos candidatos se inscreverem para mais de um cargo, neste caso é necessário apresentar a documentação e preencher o formulário referente às especialidades para as quais deseja ser avaliado. E conforme previsto em lei, 5% das vagas são reservadas para portadores de deficiência, ou seja, existe uma vaga aberta para o cargo de médico pediatra. Contudo, não havendo preenchimento desse percentual, o cargo será ocupado por candidato da ampla concorrência.

Quem pode participar

Para participar do processo, os candidatos deverão atender a uma série de critérios, entre eles ter mais de 18 anos; ser brasileiro nato, naturalizado ou estrangeiro com visto permanente no Brasil; possuir a formação exigida para o respectivo cargo, com diploma de graduação de instituições reconhecidas pelo Ministério da Educação (MEC) ou pelo Conselho Estadual de Educação (CEE); e estar regularizado no respectivo conselho de classe.

O quadro técnico tem carga semanal prevista de 20 horas, com remuneração de R$ 1.228,27 para o cargo de técnico de enfermagem e R$ 848,32, para técnico de laboratório. Já os profissionais médicos têm carga semanal e vencimentos de acordo com o nível do cargo: médico psiquiatra e psiquiatra infantil, com carga semanal de 20 horas e remuneração de R$ 2.453,63; médico I, carga semanal de 20 horas e salário de R$ 2.453,63; médico II, carga semanal de 20 horas e remuneração de R$ 1635,33; médico III - intensivista, carga semanal de 24 horas e salário de R$ 3.637,23; odontólogo III, carga semanal de 20 horas e remuneração R$ 2.453,63; e médico IV - pediatra e pediatra neonatologista, carga semanal de 24 horas e salário de R$ 4.262,87.

 

LEIA MAIS

Ação acontece das 9h às 15h no Suspiro, Bairro Ypu, Cordoeira, Varginha, Catarcione, Bela Vista, Olaria, Cônego e Cascatinha

Vencedora do pregão cobrou menos pelo serviço que já vem prestando, através de dois contratos emergenciais, no último ano

Onze dos 13 médicos selecionados, todos brasileiros, já se apresentaram. Eles fazem treinamento nesta sexta

Publicidade
TAGS: saúde | Governo