Prazo para desconto da cota única do IPTU de Nova Friburgo termina na segunda-feira

Abono no imposto de imóveis residenciais é de 8%. Contribuintes também podem pagar o tributo parcelado, em até 10 vezes
quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017
por Dayane Emrich
Foto de capa
(Foto: Arquivo AVS)

Termina na próxima segunda-feira, 20, o prazo para o pagamento com desconto dos carnês do IPTU (Imposto Predial Territorial Urbano) em Nova Friburgo. De acordo com a Prefeitura, os contribuintes que optarem pelo pagamento em cota única terão direito a abono de 8%. Já aqueles que optarem pelo parcelamento, em até 10 vezes, também deverão começar a pagar o imposto a partir da segunda-feira, no entanto, sem o desconto anunciado.

O carnê do IPTU pode ser impresso no site oficial da Prefeitura de Nova Friburgo (http://egov.pmnf.rj.gov.br/?serv=iptu), diretamente na secretaria Municipal de Finanças, nas subprefeituras de Olaria, Cônego e Cascatinha, Conselheiro Paulino e Campo de Coelho, nas agências do Bradesco ou na Fundação D. João VI (prédio anexo ao Centro de Artes). As subprefeituras ficam na Avenida Júlio Antonio Thurler, 96, em Olaria; Rua Pacheco do Almo, Prado, distrito de Conselheiro Paulino; e Avenida Antônio Mário de Azevedo (RJ-130), km 13, no distrito de Campo de Coelho. Desde o ano passado, o carnê não é mais enviado pelos Correios. A mudança tem como objetivo reduzir custos com impressão e envio para os proprietários de imóveis na cidade.

De acordo com a secretaria de Finanças, Planejamento, Desenvolvimento Econômico e Gestão, somente até o início de fevereiro, o município já havia arrecadado cerca de R$ 3.300 milhões com o pagamento do IPTU e a expectativa é de que a receita seja bastante superior ao estimado, permitindo que o município possa obter mais independência do Estado e da União.

Vale lembrar ainda que nos carnês também é cobrada a Taxa de Coleta de Lixo Doméstico (TCLD), cujo montante é repassado pela prefeitura à Empresa Brasileira de Meio Ambiente (EBMA), responsável pela coleta de lixo no município.


Arrecadação  

Seguindo o acumulado nos últimos 12 meses do Índice Nacional de Preços ao Consumidor do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (INPC/IBGE), o IPTU sofreu um reajuste de 8,5%. No ano passado o aumento foi maior e chegou a 10, 33%.

De acordo com a prefeitura, mesmo com uma porcentagem de aumento menor e sem o primeiro vencimento, a arrecadação do IPTU de 2017 tem gerado maior arrecadação do que comparado ao mesmo período de 2016. Segundo dados do governo municipal, o valor arrecadado nas duas primeiras semanas de janeiro ultrapassaram os R$ 690 mil recebidos no ano passado.

Foro

Ainda segundo a prefeitura, este ano o contribuinte poderá imprimir o boleto do foro também pelo site da prefeitura. O imposto pode ser quitado até o dia 31 de março, também com desconto de 8%. No entanto, quem preferir pode realizar o pagamento até o dia 29 de dezembro, sem o desconto. De acordo com o governo municipal, somente nas primeiras semanas deste ano mais de R$ 410 mil haviam sido arrecadados com o foro.

LEIA MAIS

Iniciativa do vereador Joelson do Pote busca alterar critérios de cobrança da “mais valia”

Projeto tem como objetivo ajudar a população a regularizar terrenos e imóveis

Boletos também podem ser acessados pela internet

Publicidade
Agora Faz
URL da notícia:
TAGS: IPTU