Passagens intermunicipais com novos preços a partir desta segunda

Algumas das principais linhas que atendem a cidade, como Rio-Friburgo, ficam mais baratas
sexta-feira, 08 de fevereiro de 2019
por Jornal A Voz da Serra
Passagens intermunicipais com novos preços a partir desta segunda

As novas tarifas dos ônibus e vans intermunicipais que passam a vigorar a partir desta segunda-feira, 11, foram definidas pelo Departamento de Transportes Rodoviários (Detro). Os valores para o ano de 2019 foram publicados no Diário Oficial do Estado do Rio de Janeiro desta sexta-feira, 8. De acordo com a nova tabela, haverá redução de cerca de 3,19% nas tarifas dos ônibus que operam dentro da Região Metropolitana e em torno de 1,08% nas linhas convencionais do interior.

Os índices foram determinados pelo resultado da aplicação da planilha tarifária modelo do Grupo Executivo de Integração da Política de Transportes (Geipot) - planilha-base do Ministério dos Transportes, atualizada conforme estudos técnicos. Assim como a maior parte dos municípios e estados brasileiros, o Detro utiliza os parâmetros estabelecidos pelo Geipot, conforme o documento “Instruções Práticas para Cálculo de Tarifas de Ônibus Urbanos”.

De acordo com esta metodologia, são considerados no cálculo os preços dos insumos e os indicadores operacionais, como: tipo de veículo (urbano ou rodoviário); região por onde circula (metropolitana ou interior); quilometragem; média de passageiros transportados etc.

Dos índices que deveriam ser aplicados conforme o Geipot, foi abatido o repasse financeiro concedido em 2017 pelo estado referente às gratuidades, no valor de R$ 35,7 milhões, e a devolução de R$ 0,28, valor corrigido dos R$ 0,27 cobrados a mais dos usuários das linhas intermunicipais ao longo de 2017.

Passagem para Rio de Janeiro e Rio das Ostras cai de preço

Com a correção dos valores cobrados incorretamente pelas empresas de transporte ao longo de 2017, pelo menos 924 linhas intermunicipais terão os valores das passagens reduzidos. Em Nova Friburgo, a maioria das linhas que atendem a cidade foram contempladas.

Pela empresa de ônibus 1001, a passagem de menor custo para o Rio de Janeiro (via RJ-104 ou pela Via Expressa) teve desconto de 2,34%, passando de R$ 39,86 para R$ 38,95. Na visão geral, as passagens para a capital passam a variar entre R$ 38,95 e R$ 50,60. Antes os valores pagos pelos passageiros iam de R$ 39,86 a R$ 52,96, dependendo do tipo do coletivo.

Para a cidade de Niterói, a economia é de R$ 2,32, passando a ser cobrado o valor de R$ 37,40 nas viagens. E para quem deseja passar alguns dias curtindo as praias de Rio das Ostras, pagará a partir desta segunda-feira menos de R$ 30 pela passagem, já que o novo valor estabelecido pelo Detro é de R$ 29,85, um desconto de 7,37%.

A linha de Nova Friburgo para Campos, da mesma empresa, foi a que teve a maior redução, passando de R$ 71,09 para R$ 67,05, um desconto de R$ 4,04. Já na empresa Brasil, as maiores reduções foram nas linhas que ligam Friburgo aos municípios de Itaperuna: queda de R$ 4,05, passando a vigorar a tarifa de R$ 68,15; e Campos dos Goytacazes, que passará a ter desconto de R$ 3,60, passando a valer o valor de R$ 59,75.

Para Itaocara, a passagem passou de R$ 34,10 para R$ 32,05. E para Euclidelândia passa a ser cobrado R$ 20,95, ante os R$ 22,40 praticados anteriormente. Na Viação Teresópolis, a linha Nova Friburgo-Teresópolis sofrerá redução de 6,6%, passando de R$ 24,80 para R$ 23,25.

Viagens para cidades vizinhas ficam mais caras

Na contramão do reajuste, os passageiros passarão a pagar um valor maior para visitar os municípios mais próximos de Nova Friburgo. Pela Viação 1001, o preço do transporte coletivo urbano para Cachoeiras de Macacu sobe para R$ 11,85, um valor R$ 1,85 maior do que o praticado antes.

Trajano de Moraes foi a linha com o maior reajuste: R$ 7,35. A partir de segunda o valor desembolsado pelos friburguenses para ir até o município passa a ser de R$ 30,35. Em seguida vem Macuco, com aumento de R$ 5,80, vigorando o valor de R$ 21,30 a partir desta segunda-feira. De Friburgo para Santa Maria Madalena, o aumento também foi considerável, passando de R$ 26,50 para R$ 32,05. Já a tarifa da linha Friburgo-São Sebastião do Alto passará de R$ 21,50 para R$ 25,55.

Na Região dos Lagos, uma das cidades cuja linha terá aumento é a Friburgo- Macaé, o valor da passagem subiu de R$ 40,84 para R$ 54,05, um reajuste de aproximadamente 32%. Já na Viação Brasil, as linhas que terão aumento são: Friburgo-Duas Barras, passando de R$ 11,75 para R$ 11,95; e Friburgo-Jamapará (via Carmo), de R$ 23,80 para R$ 24,50.

As tarifas de todas as linhas intermunicipais dos ônibus e vans estão disponíveis no site do Detro (www.detro.rj.gov.br). Para melhor compreensão da tabela, a Ouvidoria do departamento esclareceu que as siglas utilizadas para identificar o tipo do veículos significam: SA (duas portas sem ar-condicionado);  SAC (duas portas com ar-condicionado); AC (uma porta com ar-condicionado) e A (uma porta). Já as siglas S/ C/ O/ CH/ Req./ AL são utilizadas pela equipe técnica para criação da planilha, por tanto as mesmas devem ser desconsideradas.

 

LEIA MAIS

Serviço, prestado inclusive nos fins de semana, evita deslocamento dos veículos e não afeta atividades de rotina

Importante para o turismo e para a agricultura, Terê-Fri recebe cerca de 600 caminhões por dia que escoam a produção de 90% das hortaliças consumidas no estado

Decisão presidencial publicada no Diário Oficial da União desta quinta suspende apenas equipamentos móveis

Publicidade
TAGS: Trânsito