Órgão orienta pelo menos 50 mulheres por mês em Friburgo, vítimas de violência

No Centro de Referência elas têm atendimento jurídico, psicológico e assistência social, uma vez por semana
sexta-feira, 10 de agosto de 2018
por Jornal A Voz da Serra
Foto de capa
O Crem funciona na antiga Rodoviária Leopoldina, ao lado da prefeitura

Na última terça-feira, 7, foi celebrado o Dia Estadual da Lei Maria da Penha. A lei de proteção às mulheres vítimas de violência está em vigor há 12 anos e em Nova Friburgo um órgão municipal colabora na tentativa de redução das estatísticas de crimes contra as mulheres. É o Centro de Referência da Mulher (Crem), que funciona desde 2007. Por mês, pelo menos 50 mulheres são atendidas ou têm os casos acompanhados pelas equipes do Crem, que funciona na antiga Rodoviária Leopoldina, na Avenida Alberto Braune, 223, ao lado da prefeitura. No órgão, elas têm atendimento jurídico, psicológico e de assistência social, uma vez por semana.

HOMENS AGRESSORES TAMBÉM TERÃO PROGRAMA DE REABILITAÇÃO.

Não são todos os municípios que possuem essa estrutura acolhedora para as mulheres vítimas de qualquer tipo de agressão, seja ela física ou verbal. A violência pode não ser provocada pelo marido ou companheiro da vítimae pode se apresentar de várias formas: pela violência física, moral, patrimonial, sexual e psicológica. Em alguns casos, há o encaminhamento da mulher vítima à Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam), o que não interfere no auxílio prestado pelo Crem, que é realizado em longo prazo.

“Aqui temos profissionais capacitados. Todas são mulheres, o que facilita o atendimento a quem necessita dessa ajuda. A cada cinco mulheres que chegam ao Crem, pelo menos, três sofrem algum tipo de violência e, às vezes, elas não percebem, pois  acham, erroneamente, que violência contra a mulher se resume a casos de espancamentos e agressões. Xingamentos e humilhações também são formas de violência. Estamos aqui para acolher, orientar, de braços abertos, essas mulheres para, assim, saírem desse ciclo de violência”, destacou a coordenadora do Crem, Luciana Silva.

As mulheres friburguenses passaram a contar a partir desta semana com mais um aliado. A prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social, voltou a disponibilizar um veículo específico para uso do Centro de Referência da Mulher servindo como mais uma ferramenta de auxílio disponível para regulamentar as visitas e até locomoção das beneficiárias para a Deam, por exemplo.

Vale ressaltar que as mulheres em situação de algum tipo de abuso podem recorrer ao número de telefone 180, o Disque Mulher, que oferece as primeiras orientações acessíveis ao fato relatado. O Crem também atende as mulheres pelo telefone 2525-9226.

Publicidade
TAGS: