Nova Friburgo passa a contar com mais um grupo escoteiro: o Serra Amar

Público-alvo são meninos e meninas entre 10 e 14 anos de idade
quinta-feira, 16 de janeiro de 2020
por Vinicius Gastin
Pequenos escoteiros já com a bandeira do Serra Amar: segundo grupo de Nova Friburgo
Pequenos escoteiros já com a bandeira do Serra Amar: segundo grupo de Nova Friburgo

Às margens da Estrada Serramar, em um dos mais belos locais de Nova Friburgo, surge o segundo grupo escoteiro do município, o primeiro de Lumiar. O Serra Amar 149 RJ foi fundado oficialmente no último dia 8 de dezembro de 2019, durante evento promovido sítio Paraíso Ecológico, no quinto distrito. O público alvo são meninos e meninas entre 10 e 14 anos de idade.

“Em agosto já havíamos inaugurado a Alcateia Lobo Guará com os lobinhos, agora estamos expandindo o movimento escoteiro na região e passando a atuar também com os escoteiros e escoteiras de 10 a 14 anos na Tropa Escoteira Pedra Riscada. O nome do grupo dá uma pista da localização geográfica do grupo, em Lumiar, às margens da Rodovia Serramar, mas acima de tudo é um convite para a gente amar mais a Serra, as pessoas e a natureza da nossa região”, define André Amador, eleito o presidente do Serra Amar.

Seguindo o Estatuto da União dos Escoteiros do Brasil (UEB), foram eleitas uma diretoria e uma comissão fiscal, órgãos obrigatórios para todo grupo escoteiro no país. Durante a assembléia que oficializou a criação do grupo e seu regulamento, ficou definido que André Amador será o presidente no biênio 2020/2021, acompanhado pela diretora financeira Hilda Marques e pela diretora administrativa Marcella de Almeida. Já a comissão fiscal terá como titulares Aricelso Filho, Thais Ribeiro e Marcela Klain, enquanto Renata Bacellar e Bruno Timm serão os suplentes. O detalhe é que todos os eleitos, tanto para a diretoria quanto para a comissão, são pais de escoteiros do grupo. Também foi definido que Charles Karl será o delegado titular, e Ricardo Voivodic o suplente.

A criação do grupo escoteiro é uma consequência da fundação da Alcateia Lobo Guará, com um total de 18 lobinhos, na faixa de 6 a 10 anos, e quatro chefes. Desde maio do ano passado eles se reuniam em Lumiar e promoviam atividades ao ar livre, à exemplo de um mutirão de limpeza no Rio Macaé e as olimpíadas do Guará, com jogos e atividades culturais envolvendo lobinhos e famílias.

O grupo foi criado seguindo as orientações do Ramo Lobinho da União dos Escoteiros do Brasil, reunindo moradores da região de Lumiar, São Pedro da Serra e Boa Esperança.

O escotismo

O Movimento Escoteiro foi fundado em 1907 pelo general Robert Baden-Powell, na Inglaterra. Sem pretender trazer a rigidez militar para o Movimento Escoteiro, o oficial aproveitou os elementos positivos de fomento à camaradagem, iniciativa, coragem e autodisciplina, bem como técnicas que seriam úteis no desenvolvimento dos jovens para criar um movimento educacional. No dia 1º de agosto de 1907, ele levou 20 rapazes para a Ilha de Brownsea, no Canal da Mancha, para realizar o primeiro acampamento escoteiro do mundo. Ao longo de oito dias, ele aplicou diversos ensinamentos sobre vida em equipe e ao ar livre.

O escotismo cresceu, ramificando-se também numa vertente para as meninas (em 1909) e, em 1920, com o fim da Primeira Guerra Mundial, reuniu cerca de oito mil jovens em Londres para o primeiro Jamboree Mundial, o maior evento escoteiro do mundo. No Brasil, em 17 de abril de 1910, encerrando um ciclo de quatro anos de renovação da frota naval brasileira, o Encouraçado Minas Gerais chegou ao Brasil, vindo da Europa, com um grupo de oficiais que trazia uniformes e acessórios escoteiros, depois de acompanhar o enorme sucesso que o movimento fazia na Inglaterra.

A missão do escotismo é contribuir para a educação de jovens, por meio de um sistema de valores baseado na Promessa e na Lei Escoteira, para ajudar a construir um mundo melhor, onde as pessoas se realizem como indivíduos e desempenhem um papel construtivo na sociedade. Os jovens são divididos conforme a faixa etária para o trabalho em todas as áreas de desenvolvimento (físico, intelectual, social, afetivo, espiritual e de caráter).

 

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 75 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: