Nome de São Pedro da Serra é uma homenagem a Pedro II, o imperador

Festa junina do pequeno distrito já tem 154 anos de tradição
sábado, 29 de junho de 2019
por Jornal A Voz da Serra
A programação
A programação

O esperado Arraiá de São Pedro da Serra começou nesta sexta-feira, 28, e continua durante este final de semana. Com muita arte, forró, bingo e futebol, as atrações serão motivo de animação na “vila” de São Pedro. O arraiá acontecerá na Quadra São Pedro da Serra, em uma realização da Associação Comercial e Industrial de São Pedro (Acisp) em parceria com a Prefeitura de Nova Friburgo. 

Neste sábado, 29, a programação começa às 9h com a 16º edição do futebol feminino, que se estende até 17h. Enquanto o esporte diverte a galera, uma oficina de forró também estará acontecendo, às 14h. A noite, às 20h30, o cantor Pedro, da dupla Filhos do Zé, vai embalar a festa com muita música. 

E as atrações musicais não param por aí: às 22h, Bianca Dias encerra a noite de sábado com balada sertaneja. Já o domingo, último dia dos festejos, começa cedo com o futebol de São Pedro, às 10h.

A criançada não fica de fora da programação e vai poder se divertir com a Belinha e sua Malinha, às 15h. Além disso, o público infantil também vai poder dançar com o Projeto Brasis, que fará uma discotecagem infantil das 16h às 18h. Mais tarde, das 18h às 20h, este mesmo projeto vai animar a noite com discotecagem em ritmo de arraiá e forró. Fechando a noite em grande estilo, a Banda Opium vai dar um show a partir das 20h30. Para mais informações, ligue para (22) 2522-6942.

154 anos de tradição

São diversos os pontos positivos de uma das mais antigas festas juninas do interior do Estado e a maior festa comunitária do interior fluminense: lota uma centena de pousadas em dois distritos, Lumiar e São Pedro da Serra, outro tanto de restaurantes e bares, causa efeitos positivos sobre a taxa de hospedagem de hotéis, além de terceirizando serviços, ainda encaminhando o fluxo de turistas para além de Mury, em direção ao centro comercial da cidade. 

Quando se fala da história da Tradicional Festa de São Pedro, em São Pedro da Serra, e dos seus 154 anos de realização contínua, são dados assim que saltam aos olhos de quem consegue enxergar o evento como o formidável produto turístico que é. 

Produzida durante a maior parte de sua história por uma comissão de fiéis da Capela de São Pedro, a festa passou 13 anos sendo organizada pela Associação de Moradores da vila, mantendo o mesmo sucesso. Desde 2013, porém, quando voltou a ser de responsabilidade da igreja católica, foram tirados alguns de seus atrativos para atender orientações religiosas: saíram as barracas de bebida, boa parte dos shows passou a ser com músicos gospel e encolheu de tamanho. Até que, desde o ano passado, a festa foi reduzida a uma confraternização em volta da capela. 

Mas nunca foi descontinuada! E por isso, pode facilmente ser reavivada, como brasa de fogueira. Basta um bom sopro! 

É esse sopro que a Associação do Comércio e da Indústria de São Pedro da Serra (Acisps) em parceria com a TEIA de Eventos, com a ajuda do poder público e de patrocinadores, quer dar à edição deste ano, com o nome de Arraiá de São Pedro da Serra, a volta ao brilho e à condição de um dos mais importantes eventos turísticos da Região Serrana fluminense. Sem, contudo, relaxar com o cuidado do meio ambiente e com a limpeza e segurança da vila. 

 

Publicidade
TAGS: