No Grupo A, Bola Branca se sagra tetracampeã friburguense

Escola vence a Globo de Ouro por dois décimos. Saudade perde dois pontos
quarta-feira, 06 de março de 2019
por Guilherme Alt (guilherme@avozdaserra.com.br)
O desfile da Bola Branca no sábado (Fotos: PMNF)
O desfile da Bola Branca no sábado (Fotos: PMNF)

Por dois décimos, a escola de samba Bola Branca foi aclamada campeã do Grupo A, durante a apuração dos votos dos jurados do carnaval friburguense, na tarde desta quarta-feira de Cinzas, 6. Com isso, a agremiação do Catarcione conquista o tetracampeonato do campeontao friburguense, desde 2016.

No ano passado o Bola Branca, então ainda bloco de enredo, dividiu o título do carnaval com o Globo de Ouro: houve empate na apuração das notas dos jurados. 

Este ano, a agora também escola de samba do Grupo A, Globo de Ouro, ficou em segundo lugar.

Veja como foi a pontuação:

1° Bola Branca - 199,7
2° Globo de Ouro - 199,5
3° Unidos do Imperador - 199,2
4° Raio de Luar - 199,1

A Bola Branca desfilou no sábado de carnaval com um enredo sobre festas populares. Com o enredo “Bola Branca em ritmo de festa", a escola de samba do Grupo A cantou: “É carnaval, é festa do povo / A bateria invocada vai te arrepiar / Vem embarcar nessa magia, tem samba no ar / O Bola Branca vai te emocionar”. A escola preto, branco, azul e rosa desfilou com 80 componentes na bateria e muita animação.

A presidente da escola, Odete Silveira, estava muito nervosa e só comemorou o resultado depois que foi oficializado. "Foi muito difícil, um trabalho intenso, mas valeu a pena", disse ela.

Saudade larga com 2 pontos descontados

A apuração das notas dos desfiles continua com as escolas do Grupo Especial, no campo do Friburguense Atlético Clube, em OIaria. Organizado pela Liga das Escolas de Samba de Nova Friburgo (Liesbenf), o evento é aberto ao público.

Alunos do Samba, Imperatriz de Olaria, Unidos da Saudade e Vilage no samba disputam o título entre as escolas do Grupo Especial. As agremiações desfilaram no último domingo, 3. No carnaval do ano passado, a Imperatriz levou o título máximo do carnaval friburguense.

Em reunião para apreciar os recursos referentes aos desfiles do carnaval 2019, a Liesbenf decidiu punir a Unidos da Saudade com a perda de dois pontos, por desrespeitar os limites da área destinada à montagem das escolas de samba.

Pelo regulamento da liga, ficou estabelecido que o final desta área seria a faixa de pedestres em frente à porta principal da Prefeitura de Nova Friburgo. Assim, todas as alegorias e alas deveriam ser montadas da faixa para frente, deixando a área após a faixa livre para aproximação da agremiação seguinte. Segundo a Liga, fotos tiradas pela comissão de concentração da entidade mostram que um carro da Unidos da Saudade ficou fora da área determinada.

De acordo com o previsto pelo regulamento, os recursos deveriam ser apresentados na segunda-feira, dia 4 de março, no horário compreendido entre 17h e 19h. A Vilage no Samba solicitou o cumprimento do artigo 9º, que trata do local destinado à montagem das escolas de samba.

Ainda segundo o informe da Liga, consta no relatório técnico que diversos membros da agremiação foram informados sobre a irregularidade, mas a alegoria não foi retirada.

Desta forma, segundo prevê o regulamento, o artigo 9º inciso II foi descumprido. A punição é a perda de dois pontos na totalidade da votação.

Assim como em anos anteriores, os jurados contratados pela Liesbenf são profissionais do samba com experiência em grandes carnavais. Eles avaliam os quesitos bateria, samba enredo, enredo, fantasia, alegorias e adereços, harmonia, evolução, comissão de frente, mestre-sala e porta-bandeira e cronometragem.

 

 

 

LEIA MAIS

A roxo e branco do bairro Ypu escolheu um tema africano para seu próximo desfile

No ano em que completará 10 anos no carnaval carioca, ele fará jornada dupla no Sambódromo, primeiro com a Acadêmicos do Sossego

Curiosa para saber quem era o sambista friburguense, jurada da atração do SBT usou jornal como fonte de pesquisa

Publicidade
TAGS: carnaval