Mulher acusa ex-marido de estupro dentro de carro

Encontro foi marcado para entrega de roteador. Segundo Deam, vítima já havia pedido medida protetiva para mantê-lo distante
segunda-feira, 18 de junho de 2018
por Jornal A Voz da Serra
Mulher acusa ex-marido de estupro dentro de carro

Uma mulher de 35 anos acusou o ex-marido de estuprá-la dentro do carro dela, na noite da última quarta-feira, 13, na Avenida Nossa Senhora do Amparo, no distrito de Conselheiro Paulino. A vítima contou que havia marcado um encontro com ele para entregar um roteador e foi forçada dirigir o veículo até a avenida.

A mulher disse ainda que o homem a ameaçou e a obrigou parar o carro às margens da via, em um local ermo, onde ela foi violentada sexualmente. Após a agressão, a vítima acionou a PM. Encaminhada à Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam), a mulher passou por exame de corpo de delito e recebeu medicação no Hospital Municipal Raul Sertã.

Segundo a delegada da Deam em Nova Friburgo, Danielle de Barros, a vítima já havia solicitado uma medida protetiva contra o ex-marido para mantê-lo distante. O pedido foi deferido, mas ainda não estava valendo porque o acusado não havia sido notificado oficialmente pela Justiça.

Danielle disse ainda que exames iniciais não indicaram lesões típicas de estupros, mas outros resultados estão sendo aguardados. “Estamos investigando o caso. Solicitamos imagens de câmeras no trajeto e fizemos alguns encaminhamentos. Já intimei o acusado a depor, mas ele ainda não foi encontrado”, afirmou Danielle nesta sexta-feira, 15.

 

LEIA MAIS

Vítima, um homem de 27 anos, foi encontrada com uma perfuração na cabeça

Vítimas, de 7 e 9 anos, seriam neta e sobrinha dos acusados, que tiveram prisão preventiva decretada

Contra ele, que estava em liberdade condicional, havia um mandado de prisão preventiva por agressão contra ex-mulher

Publicidade
TAGS: crime