Mais um cavalo morre enforcado no Cônego e causa indignação

Esse foi o quarto animal que morre em situações de abandono na região
segunda-feira, 15 de abril de 2019
por Jornal A Voz da Serra
O cavalo morto à beira do córrego
O cavalo morto à beira do córrego

Um cavalo foi encontrado morto com uma corda amarrada ao pescoço no bairro Cônego, em Nova Friburgo, no último domingo, 14. Em menos dois meses, esse foi o quarto animal que morre em situações de abandono na região.  

No domingo, o corpo do cavalo foi encontrado por um morador às margens de um córrego, próximo à antiga casa noturna Emporium. O animal havia sido amarrado em uma árvore, em um terreno íngreme. Teria caído e foi enforcado pela corda.

Em um vídeo gravado no local e divulgado nas redes sociais, o morador José Rocha diz que fez as imagens para chamar a atenção das autoridades. “Dá uma ênfase no trabalho de vocês (autoridades). Esse não é o primeiro caso que a gente vê este ano na cidade”, afirma ele no vídeo.

As imagens causaram indignação nas redes sociais.  

Em nota, a Subsecretaria municipal de Bem-Estar Animal (Subea) informou que o corpo foi removido do terreno e que busca informações para identificar o dono do animal. Disse ainda que irá até a 151ª DP  fazer o registro de ocorrência.

Em fevereiro deste ano, dois cavalos morreram por asfixia, amarrados e enforcados numa árvore na Estrada Cascatinha-São Lourenço. No mês seguinte, na mesma via, um cavalo caiu de um barranco e, muito ferido, precisou ser sacrificado.

A morte dos dois cavalos mortos enforcados vêm sendo investigadas pela delegacia da cidade. Abandono e maus tratos à animais é crime, conforme o artigo 32, da Lei de Crimes Ambientais 9.605/1998. A pena prevista é de detenção de três meses a um ano e multa.

 

LEIA MAIS

Crime foi cometido em outubro de 2018, no distrito de Riograndina

Juiz se baseou em detalhes de depoimento, como a forma como colocou fogo na casa com vítimas trancadas dentro

Lei 8.587 foi sancionada pelo governador Wilson Witzel e publicada no Diário Oficial do Estado

Publicidade

Há 74 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: PET | crime