IPTU: última oportunidade para pagar cota única com desconto

Mais de 20 mil contribuintes já quitaram o imposto em Friburgo
segunda-feira, 11 de fevereiro de 2019
por Paula Valviesse (paula@avozdaserra.com.br)
IPTU: última oportunidade para pagar cota única com desconto

Até o último dia 31 de janeiro, 21.863 efetuaram o pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) em cota única com 8% de desconto em Nova Friburgo. O levantamento é da Secretaria Municipal de Finanças, Planejamento, Desenvolvimento Econômico e Gestão, que ainda estima a arrecadação até agora de pelo menos R$ 14.767.547,58.

O arrecadado com o imposto corresponde a 53% da estimativa para este ano. Segundo a prefeitura, em 2019 o IPTU 2019 teve reajuste de 4%. Com esse aumento, a expectativa do município é de arrecadar até o fim do ano aproximadamente R$ 23 milhões com o tributo. O reajuste é referente a correção monetária correspondente à inflação, baseada no Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). Contudo, para alguns contribuintes essa correção pode chegar a 12%, isso porque deve ser considerado também o reajuste de 8% que entrou em vigor este ano, com o Código Tributário de Nova Friburgo.

Este mês é a última oportunidade para os contribuintes que desejam quitar o IPTU em cota única com desconto de 4%. O vencimento é no próximo dia 20. Os boletos do tributo podem ser gerados no site da prefeitura, pelo endereço eletrônico http://egov.pmnf.rj.gov.br, na guia IPTU e Foro, ou nos pontos de atendimento na sede da Secretaria de Finanças, que funciona na prefeitura, das 10h às 17h; da Subprefeitura de Conselheiro Paulino, na Rua Pacheco do Almo, no Prado, com atendimento das 8h às 16h; e da Subprefeitura de Olaria, Cônego e Cascatinha, na Rua Vicente Sobrinho, 80, em Olaria, também das 8h às 16h.

Atraso nas parcelas gera multas

Quem optou pelo parcelamento do IPTU em 12 vezes, mas não efetuou o pagamento da primeira parcela até o dia 31 de janeiro terá que arcar agora com a multa de 2% ao mês e juros de mora de 1% ao mês. Além disso, após o vencimento, o boleto só pode ser pago nas agências do Bradesco. Como as datas de vencimentos de todas as parcelas já estão estabelecidas, os contribuintes podem se organizar para ficar em dia com o tributo. As demais 11 parcelas, sem desconto, devem ser quitadas sempre no dia 20 de cada mês, até dezembro, com exceção dos meses de abril e julho, que terão vencimentos no dia 22, e outubro, no dia 21.

 

LEIA MAIS

Boletos de R$ 144,68 começam a ser emitidos na segunda

Pagamento da primeira cota do parcelamento também vence nesta quinta

Com inscrição na Dívida Ativa, débito do imposto não prescreve após cinco anos

Publicidade
TAGS: imposto