Ipea: Friburgo é a 3ª cidade menos violenta do Estado do Rio

Município ocupa a 82ª posição entre 309 cidades brasileiras de médio e grande porte, com mais de 100 mil habitantes
sexta-feira, 01 de novembro de 2019
por Jornal A Voz da Serra
Ipea: Friburgo é a 3ª cidade menos violenta do Estado do Rio

O recém-divulgado Atlas da Violência, do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e do Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP), aponta que Nova Friburgo é a terceira cidade mais segura de todo o Estado do Rio, perdendo apenas para Petrópolis (no topo do ranking) e Teresópolis. Ainda conforme o levantamento, o município ocupa a 82ª posição entre os menos violentos do país.

O Atlas da Violência avaliou um total de 309 cidades de médio e grande portes todas elas acima de 100 mil habitantes. Para realizar o levantamento, o Ipea e o FBSP levaram em conta a taxa de homicídios por 100 mil habitantes. Friburgo registrou uma taxa de 19,4 homicídios por 100 mil habitantes. Os dados são do último estudo do Sistema de Informação sobre Mortalidade do Ministério da Saúde, de 2016.

Pelo Atlas da Violência, a primeira colocação no ranking geral ficou com a cidade de Brusque, em Santa Catarina. O município tem taxa de 4,8 homicídios por 100 mil habitantes. A segunda colocação ficou com Atibaia, em São Paulo, com taxa de 5,1. Em seguida vieram Jaraguá do Sul (SC), com 5,4; Tatuí (SP), com 5,9; e Varginha (MG), com 6,7.

No Estado do Rio, a cidade menos violenta do Estado do Rio é Petrópolis, com  taxa de 10 homicídios por 100 mil habitantes. Teresópolis registrou 13,2. A cidade do Rio de Janeiro aparece com 34,9 homicídios por 100 mil habitantes. 

O presidente da Associação Comercial, Industrial e Agrícola de Nova Friburgo, (Acianf), Julio Cordeiro, exultou o fato de as três cidades do Mercoserra encabeçarem a lista do Estado do Rio. "Isso é excelente e oportunidade de novos negócios", comentou.

LEIA MAIS

Com apoio de empresas locais, Conseg e Acianf discutem com comando do 11º BPM implantação do projeto Bairro Seguro

Operação especial conta com PMs da ativa e da reserva e agentes egressos das Forças Armadas

Próximo biênio será presidido por Alexandre Campos de Carvalho

Publicidade

Há 74 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: Segurança