Homem é preso acusado de estuprar a própria filha de 6 anos

Caso aconteceu em Cantagalo. Acusado também agrediu fisicamente a mulher, mãe da criança
quarta-feira, 15 de janeiro de 2020
por Jornal A Voz da Serra
Homem é preso acusado de estuprar a própria filha de 6 anos

Um homem de 29 anos foi preso na última segunda-feira, 13, em um sítio próximo à localidade de Córrego da Prata, no distrito de São Sebastião da Paraíba, na zona rural de Cantagalo, acusado de estuprar a própria filha, de apenas 6 anos. O homem também agrediu fisicamente a esposa, mãe da criança.

Policiais do Destacamento de Policiamento Ostensivo (DPO) do 11ºBPM, em Cantagalo, foram acionados por conselheiros tutelares para comparecer ao local da denúncia para verificar uma possível ocorrência de estupro de vulnerável. Chegando ao local, foi feito contato com a esposa do acusado, de 39 anos, que confirmou a acusação dizendo que flagrou o companheiro trajando apenas uma cueca e a filha completamente nua. Ela disse ainda que foi agredida pelo acusado, ao confrontá-lo sobre o ocorrido.

Em conversa reservada com a criança, as conselheiras tutelares conseguiram a confirmação do abuso sexual. A vítima foi submetida a exame de corpo de delito no Posto Regional de Polícia Técnica e Científica (PRPTC) da Polícia Civil do Rio de Janeiro, em Nova Friburgo, onde foi configurado o crime.

O acusado foi encaminhado à 153ªDP (Cantagalo) e autuado pelos crimes de estupro de vulnerável e na Lei Maria da Penha, por ter agredido sua companheira. Ele permaneceu preso na Delegacia Legal aguardando transferência para um presídio na capital.

 

LEIA MAIS

ISP divulga dados de violência doméstica no primeiro semestre em Nova Friburgo

Violência ocorreu em frente a uma creche, vazia por causa da quarentena

Agressões teriam sido com chutes, socos e puxões de cabelo, segundo a polícia. Vítima foi submetida a exames

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 75 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: crime