Friburgo perde a voz, o sorriso e a simpatia de Ely Borges

Radialista apresentador do programa “Na Boca da Galera” morre em inexplicável acidente na Ponte da Saudade
sábado, 20 de abril de 2019
por Adriana Oliveira (aoliveira@avozdaserra.com.br)
Ely Borges na pelada, uma de suas paixões (Reprodução da web)
Ely Borges na pelada, uma de suas paixões (Reprodução da web)

Um trágico acidente de motocicleta, no fim da tarde desta sexta-feira Santa, 19, calou uma das vozes mais queridas de Nova Friburgo: a do radialista Ely Borges, de 47 anos. O apresentador do programa “Na Boca da Galera”, apresentado diariamente na Rádio Sucesso FM, estava a caminho do trabalho quando, inexplicavelmente, colidiu com sua moto contra um muro na Ponte da Saudade.

O acidente chocou a cidade, já que Ely era muito conhecido. O corpo foi necropsiado em Nova Friburgo. A possibilidade de um infarto ou mal súbito foi descartada, segundo familiares. As causas da morte foram fratura de cabeça e tórax. Atlético, Ely levava um estilo de vida esportivo e saudável. Segundo uma testemunha do acidente, ele bateu a cerca de 90km/h no muro e morreu na hora.

O flamenguista, peladeiro, natural de Macuco, estava no auge da carreira e feliz com o sucesso do programa, que acaba de completar sete anos no ar. O próprio Ely acabara de fazer, em 25 de março, aniversário. “Pediu bife à milanesa, seu prato favorito, para comemorar”, lembra a amiga Rivana Abbud, proprietária do Bar América, onde Ely passava, religiosamente, todos os dias, para um chopinho antes e outro depois de apresentar o programa.

“Deus levou nosso zagueiro para o andar de cima, para o time principal. Agora Ely Borges é seleção de Deus e vai jogar defendendo todos nós aqui na Terra, vai rasgar todos os adversários que ousarem entrar na nossa área”, escreveu um amigo numa rede social, entre muitos depoimentos comoventes.

O prefeito Renato Bravo também lamentou a morte. “Estou muito triste com a notícia do falecimento do amigo Ely Borges. Um comunicador incrível, inteligente, de tiradas rápidas e que sempre espalhou alegria e um grande senso de justiça. Uma pessoa que queria o melhor para Nova Friburgo”, escreveu em seu perfil pessoal.

O corpo de Ely está sendo velado, desde madrugada, no Memorial SAF, até por volta do meio-dia deste sábado. O sepultamento será às 17h, em São Sebastião do Alto, cidade onde está sepultado seu pai. Ely deixa três filhos e um neto. Toda a equipe de A VOZ DA SERRA se solidariza com a família de Ely neste momento doloroso.

 

LEIA MAIS

Paulinho Petinate foi encontrado por um segurança em uma estrada que dá acesso a um estacionamento, fora do parque

Ex-aluno dos colégios Cêfel e Nova Friburgo, da Fundação Getúlio Vargas, engenheiro morava em Mury

Precursor da produção de leite de cabra e de lúpulo, médico veterinário é lembrado por seu bom-humor e sorriso fácil

Publicidade
TAGS: obituário