Festival Intercolegial de Teatro apresenta corpo de jurados

O saudoso jornalista e ator Paulo Carvalho é o homenageado da edição deste ano
quinta-feira, 18 de julho de 2019
por Jornal A Voz da Serra
Festival Intercolegial de Teatro apresenta corpo de jurados

O Colégio Nossa Senhora das Dores (CNSD) já definiu o corpo de jurados da 7ª edição do Festival Intercolegial de Teatro (FIT). O evento deste ano, a ser realizado entre 31 de agosto e 2 de setembro, é dedicado à memória do jornalista e ator Paulo Carvalho, falecido há cinco anos.

O festival está aberto à participação de alunos do 6º ano do ensino fundamental ao 3º ano do ensino médio. As inscrições estão abertas, podendo ser feitas via Correios ou no próprio colégio, que fica na Rua Augusto Spinelli, Centro. Doze espetáculos serão selecionados, com duração máxima de uma hora e 15 minutos. Serão três jurados que terão a incumbência de escolher os vencedores do festival em várias categorias. São eles: 

  • Karen Acioly: atriz e dramaturga, tem atuação destacada em teatro infanto-juvenil e musical. Ao todo, escreveu mais de 20 peças infanto-juvenis e dirigiu a maior parte delas. Sua obra já recebeu os prêmios Sharp, Mambembe, Coca-Cola, Zilka Salaberry e Maria Clara Machado. É autora de mais de 31 textos teatrais, sendo 28 deles já encenados e 15 premiados. Foi a primeira coordenadora de Teatro Infantil do município do Rio (2001), ​e fundadora e diretora artística do Centro de Referência Cultura Infância​, no Teatro do Jockey​ (de 2003 a 201​5). Publicou 14 livros infantis e ganhou o Prêmio Lucia Benedetti, ​da ​F​undação Nacional do Livro Infanto-Juvenil. Em novembro de 2016 recebeu a bolsa concedida pelo governo francês "Courants du Monde", na área de gestão cultural.
  • André Arteche: começou a carreira aos 9 anos, como modelo da agência Ford Models. Seu primeiro trabalho foi com o cineasta Jorge Furtado, no episódio Anchietanos da série A Comédia da Vida Privada, onde fez o papel do personagem de Murilo Benício, quando pequeno. Em 1998, começou a se interessar pelo cinema após ter uma pequena participação no longa-metragem Netto Perde Sua Alma. Ainda no cinema foi protagonista do filme Houve uma Vez Dois Verões. Em 2007 desempenhou o papel de Grão Sonhador no musical infantil O Pequenino Grão de Areia, dirigida por Marcelo Mello, com música de João Falcão. Alcançou a fama com a sua atuação na novela Caminho das Índias (2009) como o indiano Indra. Recentemente, André participou da 7ª temporada da Dança dos Famosos, quadro do Domingão do Faustão. Em 2012, esteve na novela Lado a Lado. Desde 2015, André atua como autor e diretor de teatro. Em 2018 coordenou processo de oficina teatral no Espaço Armazém de Teatro, na Fundição Progresso (Rio). Como resultado, estreou no mesmo espaço o espetáculo “O metrô - tempos absurdos”, de sua autoria, o qual dirigiu, atuou e foi iluminador.
  • Vanessa Marcatto: iniciou seus estudos no Teatro Escola Célia Helena, em 1991. Em 1996 atuou na novela Salsa e Merengue (Globo), e em 1998, fez Pecado Capital, de Glória Perez. Em 1999 mudou-se para o Rio, para aprimorar os estudos, e de 2001 a 2008, integrou a Cia. Atores de Laura, uma das companhias de teatro mais sólidas do Rio de Janeiro, atuando em todas as produções. Os espetáculos, todos premiados, circularam por diversos estados brasileiros e no exterior. Em 2007 fundou a Marcatto Produções Artísticas e vem desenvolvendo um trabalho para crianças de introdução às óperas, onde o clássico e o popular brasileiro se misturam em cena. De 2012 a 2013, em parceria com Tim Rescala, escreveu o Programa de Música Clássica para Crianças Blim Blem Blom, da Rádio MEC FM. Em 2017 foi a autora do espetáculo musical Tra La Lá, sobre a vida e obra de Lamartine Babo. Em 2018 escreveu e produziu o espetáculo musical para crianças Thomas e as Mil e Uma Invenções, com músicas de Tim Rescala. 

 

LEIA MAIS

Certificado de Registro emitido pela corporação pode ser cancelado caso haja inobservância das normas de segurança contra incêndio e pânico

Espetáculo é baseado em obra de autor inglês, chanceler de Henrique VIII

Na 7ª edição, Festival Intercolegial de Teatro presta homenagem póstuma ao ator e jornalista Paulo Carvalho

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 74 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: Teatro