Faol altera horários de linhas por conta das férias escolares

Medida não agradou aos usuários. Prefeitura quer a normalização do serviço
terça-feira, 17 de julho de 2018
por Guilherme Alt (guilherme@avozdaserra.com.br)
Foto de capa

 

O fantasma da greve dos caminhoneiros ronda muitos pontos de ônibus em diversos bairros de Nova Friburgo desde segunda-feira, 16. Relatos de passageiros de norte a sul  nas redes sociais dão conta de que várias linhas de ônibus estão circulando com a frota reduzida.  Como resultado, atrasos e muita gente chegando atrasada  no trabalho.

A direção da empresa Friburgo Auto Ônibus (Faol) alega que muitas linhas tiveram seus horários alterados por conta das férias escolares que tiveram início esta semana e se estendem até dia 27.

“Tivemos a retirada de dez ônibus que fazem reforço para transportar estudantes da rede pública que estão de férias”, explicou o diretor da empresa de ônibus, Paulo Valente.

Ainda de acordo com ele, a redução da frota na época de férias escolares acontece todos os anos. “Antigamente se retiravam os ônibus, mas não havia o cuidado de regular os intervalos, abrindo buracos enormes nas linhas. Algumas linhas tiveram alterações de cinco a dez minutos para mais cedo ou mais tarde para ajustar os intervalos por conta da retirada dos ônibus de reforço para transporte de estudantes e, assim, não termos intervalos irregulares. Isso é feito em todos os períodos de férias nas escolas”, garantiu o diretor.

Para os usuários, no entanto, a explicação não faz sentido. “Nunca tinha ouvido falar nisso. E outra coisa, será que eles esqueceram que não estamos mais indo até a Estação Livre? Isso é uma falta de consideração com os trabalhadores. Não vi nenhum aviso nos ônibus. É sempre assim, somos os últimos a saber, e por isso tenho ficado mais de 40 minutos no ponto”, reclamou um passageiro.

Nas redes sociais, uma passageira reclamou da alteração dos horários. “Recebi o horário 'especial' da Faol. Segundo informações, foram colocados avisos na Estação Livre e nos coletivos. Eu não vi nenhum aviso, alguém viu?”, destaca a postagem.

Moradores dos bairros Olaria, Cônego e Cascatinha também passaram por transtornos na manhã desta terça-feira, 17. Por volta das 8h30, um dos ônibus da linha enguiçou. Há relatos de passageiros que esperaram cerca de uma hora e meia.

“Nunca houve redução do número de ônibus por causa das férias escolares. E o trabalhador, como fica? A população de trabalhadores é imensamente maior do que a de estudantes. Por causa disso vamos ficar esperando quase uma hora nos pontos? Vou chegar atrasada nas próximas duas semanas? É um absurdo”, reclamou outro usuário.

A  Prefeitura de Nova Friburgo, por meio da Secretaria de Ordem e Mobilidade Urbana, informou que não foi oficialmente informada pela concessionária a respeito e que soube da questão através da reclamação de usuários pelas redes sociais. Ciente do transtorno que a modificação traz na rotina da população, a secretaria acionou a empresa de ônibus e solicitou o retorno da normalidade da grade de horários das linhas o mais breve possível.

 

LEIA MAIS

Projeto aprovado, que está para ser sancionado, prevê parada até mesmo nos ônibus que operam em linha direta

Ceg Rio prevê fornecimento para mais estabelecimentos da cidade em 2019: hoje só tem um a oferecer o gás, e caro

Espaços, num total de 50 em Friburgo, poderão ser ocupados por qualquer motorista, até 20 minutos e com pisca-alerta ligado

Publicidade
TAGS: Trânsito