Estátua de Alberto Braune na Praça Getúlio Vargas é pichada

Imagens das câmeras do Cidade Inteligente estão sendo analisadas para a identificação dos autores
sexta-feira, 03 de janeiro de 2020
por Fernando Moreira (fernando@avozdaserra.com.br)
A estátua pichada com inscrição de facção criminosa (Foto de leitor)
A estátua pichada com inscrição de facção criminosa (Foto de leitor)

Um leitor de A VOZ DA SERRA nos enviou, indignado, a foto que mostra uma pichação feita na estátua de Alberto Braune, na Praça Getúlio Vargas, no Centro. Localizado na parte central da praça, entre as ruas Ernesto Brasílio e Portugal, o monumento foi pichado com as inscrições CV, que fazem alusão à facção criminosa Comando Vermelho.

Um ato de vandalismo que atenta contra o patrimônio público e, sobretudo, contra a memória de um dos friburguenses mais ilustres dos 201 anos de história do município, e que também dá nome a uma das principais avenidas de Nova Friburgo. Ainda de acordo com a mensagem do leitor, que preferiu não ser identificado, a pichação foi feita há pelo menos uma semana e até agora não foi removida pela prefeitura.

Indagada sobre o ocorrido, a prefeitura informou em nota que “tomou conhecimento da pichação em questão através da reportagem e, já na próxima semana, dará início ao processo de limpeza do monumento”.

A nota diz ainda que “a prefeitura repudia o ato de vandalismo e reforça que danificar o patrimônio público é crime passível de detenção de seis meses a um ano, além de multa”. E finaliza dizendo que “as imagens das câmeras do Cidade Inteligente estão sendo analisadas para a identificação do(s) autor(es)”.

Limpeza é feita

Na manhã deste sábado, 4, após matéria de A VOZ DA SERRA, a prefeitura informou que já realizou a limpeza da estátua.

 

 

LEIA MAIS

Ação foi possível graças à colaboração do Centro de Monitoramento Cidade Inteligente e de lojas próximas dos locais do vandalismo

Busto de Zamenhof e imagem de Vergilius são os mais novos alvos de vandalismo na cidade

Delegacia investiga o caso, flagrado por câmeras de segurança de um edifício próximo

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 75 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: vandalismo