Dos 18 feriados de 2020, 13 podem ser emendados com o fim de semana

É o dobro do ano passado. Enquanto comércio teme queda de faturamento, turismo celebra boas expectativas
quinta-feira, 02 de janeiro de 2020
por Fernando Moreira (fernando@avozdaserra.com.br)
Friburgo vazia (Arquivo AVS)
Friburgo vazia (Arquivo AVS)

O ano de 2020 promete mais dias de descanso do que 2019. Dos 12 feriados nacionais, 11 caem em dias de semana e dez podem ser emendados com sábados e domingos. Isso sem contar os feriados estaduais e municipais. Em Nova Friburgo, serão 18 feriados em 2020, sendo que 13 deles poderão ser enforcados, quase o dobro do ano passado. Uma bênção para os trabalhadores e uma dor de cabeça para os patrões.

As exceções aos feriados colados ao fim de semana são 1º de janeiro (Confraternização Universal), que caiu numa quarta-feira; 21 de abril (Tiradentes), que será em uma terça-feira e o Corpus Christi (11 de junho), que sempre cai às quintas-feiras, 60 dias após a Páscoa.

Páscoa e carnaval são feriados alongados em todos anos. A Paixão de Cristo (sexta-feira), conhecida como a Sexta-Feira Santa, será no dia 10 de abril. A segunda-feira e a terça-feira de carnaval cairão nos dias 24 e 25 de fevereiro, respectivamente. Além desses dias, os brasileiros, em geral, poderão emendar com o fim de semana o Dia do Trabalho (1º de maio), que cai numa sexta-feira, assim como o Natal (25 de dezembro).

Para quem não gosta das segundas-feiras, a boa notícia é que os feriados da Independência do Brasil (7 de setembro), Nossa Senhora Aparecida (12 de outubro) e Finados (2 de novembro) cairão nesse dia da semana.

Bom para o turismo, ruim para a economia

Com tanto feriado, há quem preveja perdas econômicas. “O varejo nacional deve deixar de faturar R$ 11,8 bilhões em 2020 por causa de feriados nacionais e pontes ao longo do ano. O total é 53% maior do que a perda prevista para 2019, de R$ 7,6 bilhões”, calcula a Federação do Comércio de São Paulo.

Por outro lado, outros setores de atividade econômica festejam, como é o caso do turismo. “No ano passado, os feriados prolongados resultaram em 13,9 milhões de viagens, que injetaram R$ 28,84 bilhões na economia brasileira”, registra o Ministério do Turismo (MTur).

Ainda segundo o MTur, “o feriado de 1º de maio movimentou, em 2019, R$ 9 bilhões na economia e resultou em 4,5 milhões de viagens. Já o feriado de 12 de outubro foi um dos mais movimentados do ano, com a realização de 3,24 milhões de viagens domésticas e impacto econômico de R$ 6,7 bilhões nos destinos visitados”. Por enquanto não há uma projeção do impacto dos feriados de 2020 em venda de passagens, hospedagens e passeios.

Este ano de 2020, que mal começou, é bissexto, portanto, tem um dia a mais, no entanto, esse dia não será suficiente para descontar as folgas proporcionadas pelos feriados nos dias de semana. Ainda mais porque o dia 29 de fevereiro cairá justamente em um sábado.

Confira os feriados nacionais, estaduais e municipais

  • 1º de janeiro (quarta-feira) - Confraternização Universal
  • 25 de fevereiro (terça) - Carnaval
  • 26 de fevereiro (quarta) - Quarta-feira de Cinzas (até as 14h)
  • 10 de abril (sexta) - Paixão de Cristo (Sexta-Feira Santa)
  • 12 de abril (domingo) - Páscoa
  • 21 de abril (terça) – Tiradentes
  • 23 de abril (quinta) - São Jorge
  • 1º de maio (sexta) - Dia do Trabalho
  • 16 de maio (sábado) – Aniversário de Nova Friburgo
  • 11 de junho (quinta) - Corpus Christi
  • 7 de setembro (segunda) - Independência do Brasil
  • 12 de outubro (segunda) - Nossa Senhora Aparecida
  • 15 de outubro (quinta) – Dia dos Professores
  • 28 de outubro (quarta) - Dia do Servidor Público
  • 2 de novembro (segunda) - Finados
  • 15 de novembro (domingo) - Proclamação da República
  • 20 de novembro (sexta) – Dia da Consciência Negra
  • 25 de dezembro (sexta) - Natal

 

LEIA MAIS

Escolha foi popular, através de votação pela internet; "Terra abençoada" foi a mais votada

DER-RJ trabalha na contenção da erosão na altura do Km 28; obra não tem prazo para terminar

Reportagem sobre projeto recebeu centenas de comentários irônicos no Facebook do jornal

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 74 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: feriado | Turismo