Concessão será discutida em audiência pública quarta-feira

Prefeitura planeja publicar o edital de licitação ainda este mês. Passagens devem subir para R$ 4,10
sábado, 16 de março de 2019
por Alerrandre Barros (alerrandre@avozdaserra.com.br)
(Foto: Henrique Pinheiro)
(Foto: Henrique Pinheiro)

Acontece na próxima quarta-feira, 20, às 14h, audiência pública para debater a concessão do transporte público por ônibus em Nova Friburgo. Organizado pela prefeitura, o encontro será realizado no auditório do Centro Administrativo César Guinle (antigo prédio da Oi), na Avenida Alberto Braune, 224. A audiência pública deve ser a última oportunidade para os usuários apresentarem sugestões para melhorias no serviço, que hoje é prestado somente pela empresa Friburgo Auto Ônibus Ltda (Faol). Na semana seguinte, o Executivo planeja publicar o edital de licitação, dando início a seleção da futura administradora do serviço.  

Conforme A VOZ DA SERRA noticiou na última quinta-feira, 14, o governo recebeu cerca de 450 sugestões de usuários para melhorias no transporte durante consulta pública, realizada em janeiro, por meio de um formulário na internet. As propostas foram analisadas pela comissão criada para a elaboração do termo de referência do edital e algumas delas foram incluídas no documento.

Em janeiro, antes do início da consulta à população, a prefeitura apresentou o esboço do edital de concessão em que sugere um novo modelo para o transporte público. Entre as novidades está a divisão das linhas urbanas em dois lotes que poderão ser explorados por mais de uma empresa de ônibus e a criação de novas linhas circulares no bairro Olaria e no distrito de Conselheiro Paulino, as regiões mais populosas do município.

Pela proposta, a linha “Circular Sul”, em Olaria, terá itinerário de seis quilômetros. O micro-ônibus sairá da Praça 1º de Maio, no centro do bairro, passando por toda a Rua Presidente Manoel Duarte e seguindo pela Rua Maranhão com retorno na Avenida Barão de Nova Friburgo, na altura do posto de combustíveis São José, retornando ao centro do bairro.

Já a linha “Circular Norte”, em Conselheiro Paulino, será maior, tem 12,4 quilômetros. De acordo com a proposta, o ônibus convencional vai circular pelo centro do distrito e os bairros Jardim Califórnia, Prado, Alto do Floresta e o condomínio Terra Nova. Para a prefeitura, as linhas circulares vão melhorar a mobilidade integrando as localidades. O novo modelo de transporte público ainda prevê a ampliação do "corujão", que é o ônibus circula nas madrugadas. As linhas Centro-Theodoro e Centro-Cascatinha vão funcionar até 1h da manhã nos fins de semana.

O projeto também prevê que o governo municipal tenha acesso e acompanhe uma central de monitoramento dos ônibus diariamente. Todos os veículos devem ser equipados com GPS para que, a partir da prefeitura, seja possível conferir em tempo real o cumprimento de horários, linhas e itinerários.

Edital prevê aumento das passagens para R$ 4,10

Outra novidade é que os ônibus adquiridos a partir da concessão e frutos de reajuste tarifário serão revertidos ao município, após o término do contrato. A prefeitura também estimou no documento o reajuste das passagens de ônibus, dos atuais R$ 3,95 para R$ 4,10. O novo modelo de transporte foi elaborado por integrantes do governo, o que gerou economia de R$ 1,7 milhão aos cofres do município.

O contrato de concessão com a Faol terminou em setembro do ano passado e não poderia ser renovado. A prefeitura não lançou a licitação à tempo, mas a concessionária continuou prestando o serviço com base em um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) firmado com Ministério Público estadual. O acordo, porém, não foi homologado pela Justiça.

LEIA MAIS

Empresas interessadas devem apresentar propostas em junho

Prefeitura realizou mais uma audiência pública sobre o tema na quarta-feira e esclareceu detalhes do novo contrato de concessão

Concessão do serviço será tema de audiência pública nesta quarta-feira no auditório do Centro Administrativo César Guinle

Publicidade