Comandante geral da PM visita Nova Friburgo

Coronel Laviano esteve no posto do BPRv para homenagear trabalho dos agentes
quarta-feira, 07 de novembro de 2018
por Paula Valviesse (paula@avozdaserra.com.br)
Laviano (o primeiro à esquerda) visita o BPRv (Divulgação)
Laviano (o primeiro à esquerda) visita o BPRv (Divulgação)

O comandante geral da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro, coronel Luís Cláudio Laviano, esteve em Nova Friburgo nesta terça-feira, 6, em visita ao Posto 16 do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv), em Theodoro de Oliveira. O coronel foi recebido pelo comandante do BPRv, coronel Marcus Vinícius Porto, pelo comandante do 11º BPM, coronel Eduardo Vaz Castelano, e pelo comandante da 2ª Companhia, que é responsável pelo patrulhamento na região, capitão Williams, entre demais autoridades.

O comandante geral da PM homenageou a equipe Bravo, composta pelos policiais rodoviários subtenente Pinto, sargento Ramos, sargento A. Pessanha e sargento Jefferson, estendendo a congratulação neste gesto a todos os agentes do BPRv na região. O motivo principal da visita foi o reconhecimento ao trabalho desempenhado pela equipe do Posto 16  que resultou, no último dia 13 de setembro, em uma grande apreensão de drogas, além dos resultados que vem sendo obtidos pelo BPRv durante o ano.

Na operação em questão, a abordagem dos agentes a um veículo suspeito resultou na apreensão de 50 mil pinos de cocaína e mil buchas de maconha, que foram encontradas em um fundo falso de um táxi. Na ocasião, dois rapazes, de 23 e 28 anos, foram presos. De acordo com os agentes, as drogas eram trazidas do Complexo do Alemão, na Zona Norte do Rio, para serem comercializadas no bairro Rui Sanglard, no distrito de Conselheiro Paulino, em uma área, segundo a polícia, com atuação de membros da facção criminosa Comando Vermelho.

Para o comandante da Companhia, capitão Williams, a presença do comandante geral da corporação militar em Nova Friburgo foi uma grande honra, que contribuiu como grande estímulo para o trabalho desenvolvido na região: “O coronel Laviano prestou uma homenagem às nossas equipes, através do reconhecimento da ação desenvolvida pela equipe Bravo. Essa foi a primeira vez que recebemos o comandante geral da PMERJ no Posto 16, e essa é uma grande honra. Geralmente o coronel visita os batalhões quando há uma grande apreensão de armamentos, mas como esse caso culminou em uma apreensão significativa de drogas em nossa região, ele fez questão de estar conosco em reconhecimento a esse trabalho”, disse o capitão.

Comandante falou sobre legado que pretende deixar para a PM

Durante a visita ao posto do BPRv em Theodoro de Oliveira, o coronel Laviano ainda conversou com o comandante do 11º BPM, coronel Castelano, sobre as ações que estão sendo desenvolvidas para melhoria do trabalho da PM na área de atuação do Batalhão Tiradentes. O comandante geral destacou a importância da busca de recursos para a segurança pública por meio da intervenção federal no estado e informou a aquisição de novos veículos, armamentos e materiais de proteção que devem ser distribuídos entre os batalhões do estado do Rio de Janeiro entre dezembro deste ano e janeiro de 2019.

“Nosso comandante geral falou bastante sobre o que está acontecendo na corporação, comentou a visão dele sobre a intervenção federal, sendo isso uma janela de oportunidades para o governo federal buscar recursos para a área de segurança pública. Segundo o coronel Laviano, foram adquiridas novas viaturas para a corporação; armamentos, entre eles pistolas e fuzis; e novos coletes”, contou o comandante do 11ºBPM, coronel Castelano que comentou ainda a expectativa quanto a distribuição dos novos veículos e equipamentos. “Esperamos que o 11º BPM também seja contemplado.  Aguardamos que essas melhorias também venham para Nova Friburgo. Assim como estamos acompanhando a possibilidade da recuperação do efetivo, que está sendo discutida pelo comando geral, pois existe uma deficiência não só no nosso batalhão, como em toda a corporação, e a regularização disso, seja com contratações ou com o retorno dos agentes cedidos para outros órgãos, é muito importante”, completou o coronel Castelano.

LEIA MAIS

Investigações revelaram que bando do Tuiuti, na capital, fornecia armas pesadas para morros friburguenses

Objetivo é conscientizar população sobre como utilizar a eletricidade com menos riscos e menos desperdícios

Policiais civis estão em greve desde janeiro por causa do atraso no pagamento do extra e do 13º salário

Publicidade
TAGS: Segurança