Com nova terceirizada, Detran de Friburgo reabre

Funcionários suspendem greve. Serviço para agendamento poderá ser marcado a partir da próxima segunda
sexta-feira, 10 de novembro de 2017
por Guilherme Alt
Foto de capa
O posto do Detran já reaberto (Foto: Henrique Pinheiro)

Nesta sexta-feira, 10, os funcionários da empresa Prol, que prestava serviços terceirizados para o Detran, voltaram da greve de quase três semanas. A prioridade de atendimento são para os motoristas que já estavam agendados previamente e que foram afetados durante a greve.

Funcionários do Detran informaram que, a partir da próxima segunda-feira, 13, as pessoas já poderão fazer agendamentos para vistorias e outros serviços.

Em nota, o Detran afirmou que a empresa Prol já não presta mais serviços ao órgão e que uma nova empresa já assumiu as funções. Ainda de acordo com a nota, os funcionários da Prol serão absorvidos por essa nova empresa.

Confira a nota na íntegra:

“O Detran-RJ informa que na última terça-feira, dia 7, uma nova empresa assumiu os serviços de Habilitação do Departamento, após a saída da Prol, efetuada no último dia 4, domingo.  Além disso, o órgão esclarece que na próxima segunda-feira, dia 13, uma nova empresa assumirá os serviços da Diretoria de Veículos, também após a saída da Prol, que ocorrerá no próximo dia 11. Com as novas contratações, na sequência, haverá a efetiva normalização dos serviços.

O Detran-RJ mantém sua atenção para minimizar os impactos das paralisações junto aos usuários e lembra que os procedimentos contratuais com empresas terceirizadas precisam ser seguidos à risca em benefício da própria população. O Detran-RJ reforça que quem se sentir prejudicado poderá protocolar processo junto ao órgão apresentando as comprovações necessárias às suas reivindicações.”

 

LEIA MAIS

Projeto aprovado, que está para ser sancionado, prevê parada até mesmo nos ônibus que operam em linha direta

Ceg Rio prevê fornecimento para mais estabelecimentos da cidade em 2019: hoje só tem um a oferecer o gás, e caro

Espaços, num total de 50 em Friburgo, poderão ser ocupados por qualquer motorista, até 20 minutos e com pisca-alerta ligado

Publicidade
TAGS: Trânsito