Chuva faz aumentar para 6 número de imóveis interditados

Além de Lumiar, houve deslizamento em Mury. Defesa Civil registra quedas de árvores, quedas de barreiras e alagamentos de ruas
quinta-feira, 08 de novembro de 2018
por Alerrandre Barros (alerrandre@avozdaserra.com.br)

Subiu para dez o número de pessoas que ficaram desalojadas em Nova Friburgo nesta quinta-feira, 8, por causa das chuvas que caíram sobre a cidade nos últimos dias. A Defesa Civil informou que, até o fim da tarde, cinco casas em Lumiar e uma em Mury tiveram que ser interditadas devido a quedas de barreiras. Os desalojados estão em casas de parentes. A cidade permaneceu durante todo o dia em estado de atenção.  

Em 24 horas, choveu, em média, 57,12 milímetros no município, o que provocou quedas de árvores, deslizamentos de terra e alagamento de ruas. A precipitação máxima foi de 111,98 mm em Lumiar. Um vídeo que circulou pelas redes sociais mostra que a ponte no Encontro dos Rios, justamente distrito, foi quase encoberta pela força das águas. Granja Spinelli foi o local que menos choveu (19,68 mm).

A chuva também afetou o itinerário de duas linhas de ônibus na cidade. De acordo com a concessionária de transporte Faol, Vargem Alta estava seguindo pelo Stucky até o Bar do Pedro e voltando pelo calçamento por conta da queda de parte da estrada. O ônibus que faz a linha Rio Bonito estava indo até Galdinópolis, porque o trecho de um estrada foi inundado pelo rio.  

Segundo a Subprefeitura municipal de Lumiar e São Pedro da Serra, a estrada de Rio Bonito ficou parcialmente interditada, mas o tráfego de veículos fluía lentamente no início da tarde. Houve uma queda de barreira e formação de lama próximo ao trevo de Galdinópolis. Equipes da Subprefeitura e a Secretaria Municipal de Obras estiveram no local fazendo a limpeza da pista.

Já em Vargem Alta, a prefeitura explicou que parte de uma ponte de concreto, localizada na estrada João Heringer, a principal da localidade, cedeu durante a madrugada de quinta-feira, 8. Segundo o governo municipal, funcionários da Secretaria Municipal de Obras iriam ao local ainda na tarde de quinta-feira, 8, para uma avaliação e reparo da ponte.

Para esta sexta-feira, 9, o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC), do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, prevê mais chuva para Nova Friburgo. O céu deve ficar totalmente encoberto, sem aberturas durante o dia, e há possibilidade chuvas isoladas. A temperatura deve variar entre 14 e 17 graus. No fim de semana, também deve chover.

O município vizinho de Santa Maria Madalena sofreu ainda mais com as chuvas dos últimos dias. Os distritos de Santo Antônio do Imbé, Triunfo e Osório Bersot foram os mais atingidos pelas águas, que derrubaram muros, arrastaram carros, invadiram casas e destruíram ruas. Moradores perderam vários pertences.

O prefeito Beto Verbicário se reuniu com o secretário estadual de Defesa Civil, coronel Roberto Robadey, e pediu ajuda ao governo do estado. Até o último boletim divulgado pela prefeitura, 16 pessoas estavam desalojadas. Equipes das Secretarias de Saúde, Assistência Social, Obras e da Defesa Civil estiveram mobilizadas durante todo o dia para auxiliar a população afetada pelas chuvas.  

 

LEIA MAIS

Duas linhas de ônibus também foram afetadas. Há previsão de chuvas fortes nesta quinta

Chuva alterou itinerários de Vargem Alta (via Stucky), Riograndina, Toledo, Salinas, Pilões, Alto do Catete e Três Picos

Lama na estrada prejudica os acessos a Vargem Alta (via Stucky), Riograndina, Toledo e Salinas

Publicidade
TAGS: Clima | Chuva