Bombeiros combatem incêndios simultâneos na Via Expressa e no Amparo

Só em Olaria 30 mil metros quadrados de mata foram queimados. Homem foi preso, suspeito de provocar fogo
terça-feira, 10 de setembro de 2019
por Guilherme Alt (guilherme@avozdaserra.com.br)
Incêndios são comuns em Friburgo nesta época seca do ano (Arquivo AVS)
Incêndios são comuns em Friburgo nesta época seca do ano (Arquivo AVS)

Na tarde desta segunda-feira, 9,  um incêndio próximo à Via Expressa, em Olaria, deixou moradores e quem passava pelo local preocupados. As chamas intensas destruíram boa parte da mata e foram criminosas, de acordo com o Comandante do 6º GBPM Tenente-Coronel Thiago Nunes Alecrim.

Foram cerca de 30mil metros atingidos atingidos pelas chamas. Duas equipes foram enviadas ao local para conter o fogo que ameaçava as residências próximas. “Recebemos informações de pessoas que residiam perto do local, dizendo que alguém colocou fogo na mata. Além do cheiro, havia muita fumaça, fato que causou distúrbio aos moradores. Uma ficou na parte da mata e outra na via, no combate às chamas”, informou o Comandante Alecrim.

A proteção aos moradores, além do combate às chamas foi uma prioridade durante a ação. “Criamos um linha de isolamento para reduzir os efeitos da fumaça, além de atuar na proteção do que chamamos de “linha fria” – para proteger as residências, moradores e pessoas que passavam pela localidade”, explicou o tenente-coronel.

Ainda de acordo com o Comandante, apesar das chamas terem sido extintas, “o prejuízo foi enorme”.

Amparo

Quase ao mesmo tempo, outra equipe do Corpo de Bombeiros foi enviada para o distrito de Amparo para combater um incêndio provocado de forma criminosa. Sem mais detalhes sobre a ação, a única informação é a de que o homem que teria provocado o fogo na mata foi preso e levado para a 151° Delegacia de Polícia.

 

LEIA MAIS

Só Granja Spinelli teve 200 mil metros de mata consumidos por queimadas desde o início do mês

Granja Spinelli foi o bairro que mais deu trabalho. Helicóptero foi usado para conter o fogo, que consumiu 50 mil metros quadrados de vegetação

Ações de combate tiveram até auxílio de helicóptero. Área de 5 mil m2 foi destruída na Via Expressa nesta quarta

Publicidade
TAGS: fogo