Bicho-preguiça é resgatado atravessando tranquilamente a RJ-116

Equipe de inspeção da concessionária Rota 116 disse que animal cruzava a rodovia calmamente, ao seu estilo
terça-feira, 10 de dezembro de 2019
por Jornal A Voz da Serra
A preguiça  ao ser resgatada (Divulgação Rota 116)
A preguiça ao ser resgatada (Divulgação Rota 116)

Um bicho-preguiça foi resgatado na manhã desta terça-feira, 10, enquanto cruzava a pista na altura do Km 71 da RJ-116, na Serra dos Três Picos, entre Nova Friburgo e Cachoeiras de Macacu. O animal foi apanhado e colocado em segurança para seguir sua viagem.

O resgate foi feito por uma equipe de inspeção de rodovias da concessionária Rota 116, que afirmou que o animal “cruzava a rodovia calmamente, ao seu estilo”. Ainda de acordo com a nota divulgada pela concessionária, equipes são treinadas para identificar e proteger animais silvestres que cruzam a rodovia RJ-116.

Capivara não teve a mesma sorte

Conforme noticiado por A VOZ DA SERRA, uma capivara foi encontrada morta na última quinta-feira, 5, na RJ-116, altura do bairro Ypu. Por volta das 22h, um motorista avistou o animal caído no chão, parou seu carro e foi conferir. Segundo ele, o animal já estava morto e tudo indicava que havia sido atropelado.

Há cerca de dois meses, a concessionária Rota 116, que administra o trecho privatizado da rodovia RJ-116, entre Itaboraí e Macuco, instalou mais de 300 metros de telas de proteção para preservar a fauna local, visando, principalmente, evitar acidentes como o relatado pelo motorista. As telas foram instaladas na altura do Km 78, próximo à antiga fábrica Ypu.

 

LEIA MAIS

"Fruto da falta de consciência ambiental e social", resume colunista Robério Canto

Em Toledo, área com cerca de 3 mil metros quadrados foi desmatada para abertura de estrada. Em Três Picos, 15 árvores foram cortadas em área de 1.500 m2

Uma delas ocupa 7,37 hectares aos pés da Pedra Riscada, em Lumiar, informa a coluna do Massimo

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 75 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra