Bênção aos animais marca o dia de São Francisco de Assis

Ação na igreja da Rua Duque de Caxias aconteceu às 10h e às 15h, reunindo fiéis e seus bichinhos de estimação
sexta-feira, 04 de outubro de 2019
por Fernando Moreira (fernando@avozdaserra.com.br)

A Paróquia de São Francisco de Assis, na Rua Duque de Caxias, no Centro, promoveu nesta sexta-feira, 4, a tradicional bênção aos animais, em comemoração ao dia do santo, um dos mais admirados da Igreja Católica, padroeiro dos animais, da natureza e conhecido por ser o "santo dos pobres". A ação aconteceu às 10h e às 15h, reunindo fiéis e seus bichinhos de estimação.

Uma das fiéis que fazem questão de comparecer à benção anual aos animais é a Elvira Inêz. Tutora do Tommy Eberson, um Lhasa Apso de 3 anos, ela conta que o nome composto tem uma explicação. Tommy foi escolhido pelos sobrinhos dela, enquanto Eberson é uma homenagem a um ex-aluno que, segundo ela, era muito “bagunceiro e carinhoso”.

“Faço questão de trazê-lo para receber a bênção, primeiro porque acredito muito em Deus e nas forças maravilhosas que Ele tem. E acredito em São Francisco de Assis também. É uma crença minha muito forte. Trago todos os anos para ser abençoado, seja aqui na São Francisco de Assis ou na São Roque, em Olaria”, disse Elvira.

Quem também estava lá toda animada é a dona Rosinéia de Moraes. Ela trabalha há pouco mais de um ano na casa da família do Thor, outro Lhasa Apso, de 8 anos. Ela conta que o cãozinho era arredio e ela quase não ficou no emprego por causa disso. Mas com o tempo ela foi ganhando a confiança do animal e hoje se dá super bem com ele.

“O ser humano precisa entender que o animal precisa de carinho também. É preciso ser firme na hora certa, mas também é preciso dar carinho. Acho que ele percebeu o carinho que eu tenho por ele e me retribuiu com a amizade”, contou Rosinéia, que completou: “Sempre ouvi falar que o animal de estimação toma conta da casa e toda a energia ruim do ambiente é absorvida por ele. E como São Francisco de Assis é o protetor dos animais, acho muito importante essa benção. O Thor é o guardião da casa e precisa ser abençoado”, finalizou.

Quem é São Francisco de Assis

Segundo a Igreja Católica, Francisco nasceu na cidade de Assis, na Itália, em 3 de julho de 1182. De família abastada, ele teria aproveitado a infância e a adolescência desfrutando da riqueza. No entanto, ao voltar de uma guerra, Francisco de Assis abandonou a vida de luxo para "desposar a Senhora Pobreza" e começou a meditar em cavernas e igrejas abandonadas. “Ele nutria um amor imenso pelas ‘obras de Deus’, ou seja, a natureza e tudo que nela está inserido", diz a Igreja. Ao abrir mão de sua fortuna, Francisco de Assis se dedicou aos animais, ao meio ambiente e aos leprosos.

São Francisco foi admirado pela sua bondade com todos os seres vivos. Coube a ele, em 1223, a ideia da criação do primeiro Presépio com animais vivos, no dia de Natal, uma tradição que permanece viva até hoje. Assim, ele quis homenagear o Criador naquela criança divina.

A devoção do Papa Francisco

Devido a sua grande devoção a São Francisco de Assis, o cardeal Jorge Mario Bergoglio adotou o nome do santo como Sumo Pontífice, tornando-se Papa Francisco. Segundo ele, sua escolha se deve porque o modo como leva a vida se assemelha ao do santo: ambos prezam pela compaixão, solidariedade, humildade e simplicidade, um homem de harmonia e de paz.

 

LEIA MAIS

Arrependida, ela voltou para devolver, encheu de novo e ainda trouxe outro recipiente com ração

Médica veterinária Sheila Waligora escreve livros e dá cursos sobre a comunicação intuitiva entre os seres

OMS estima mais de 10 milhões de gatos e 20 milhões de cães abandonados no país

Publicidade
TAGS: pets