Éramos Seis

Wanderson Nogueira

Wanderson Nogueira

Observatório

Jornalista, cronista, comentarista esportivo, já foi vereador e deputado. Ufa! Com um currículo louvável, o vascaíno Wanderson Nogueira atua com garra no time de A VOZ DA SERRA em Observatório, sua coluna às terças e quintas.

quinta-feira, 07 de novembro de 2019

Éramos Seis
Na atual novela das seis, da Rede Globo, Éramos Seis, dois deles são friburguenses. Trocadilho de qualidade duvidosa à parte, dois atores de nossa cidade entraram na segunda fase iniciada essa semana. Os jovens atores Bernardo Dugin e Gabriel Borges poderão ser vistos na tela nos próximos capítulos.

Atores friburguenses
A novela tem sido elogiada pela crítica e tem conquistado bons índices de audiência. O folhetim de época não exige dos atores apenas maquiagens e roupas especiais, mas também o linguajar e os trejeitos dos anos em que se passa a história, no caso da segunda fase, em que os atores friburguenses estão, por volta dos anos 30, durante o período do Estado Novo.

Globo x SBT
O mais fascinante para Bernardo e Gabriel é que a novela é um sonho antigo da Globo e, por isso, tem recebido tratamento especial da emissora. A Globo adiou várias vezes o plano de fazer a trama, com receio de que o SBT voltasse a exibir o folhetim que foi sucesso na emissora de Silvio Santos nos anos 90.

Sonho realizado
No entanto, em 2017, a Globo adquiriu os direitos de adaptação do livro para a produção da quinta versão da telenovela, conseguindo ainda que o SBT ficasse impedido de reprisar a sua adaptação. O mesmo se estende à Record que fez a primeira versão da novela no final dos anos 50. As outras duas versões foram da extinta TV Tupi.

Histórica para a teledramaturgia
Éramos Seis entra para a história da dramaturgia brasileira como o folhetim com mais versões e em três emissoras de TV diferentes. Um feito que dificilmente será atingido por outra. Para nós, destaca-se o orgulho de ter dois friburguenses na trama atual.   

Já é Natal...
Muitas lojas da cidade já estão enfeitadas para o Natal. A montagem dos adereços natalinos também já começa a ganhar corpo nos dois shoppings de Nova Friburgo. As lojas de decoração, naturalmente, já estão abarrotadas de enfeites para venda. O movimento ainda é tímido. Nos espaços públicos nenhum ensaio ainda para os enfeites.

Quando montar a árvore?
Mas qual a data certa para montar a árvore de Natal? Segundo a tradição cristã, o dia certo para montar a árvore de Natal é no primeiro domingo do Advento — tempo litúrgico celebrado pela Igreja Católica que dura quatro semanas e marca a preparação para o nascimento de Jesus. Em 2019, portanto, essa data é dia 1º de dezembro.

Papai Noel dos Correios
Por falar em proximidade do Natal, a campanha que todos os anos encanta a todos é o Papai Noel dos Correios. Neste ano, a campanha solidária já começou e celebra 30 anos de tradição. O período de adoção das cartinhas vai até 29 de novembro.

Adoção online
Os participantes devem entregar o presente até 6 de dezembro na mesma agência onde realizou a adoção que no caso de Nova Friburgo é a da Praça Getúlio Vargas. Também há a adoção online, para tanto, basta acessar o blog da campanha e apadrinhar o pedido de uma criança. A entrega do presente deve ser feita pelo padrinho no ponto indicado pelos Correios, que levam o presente até a criança.

Como pedir presente?
As cartinhas da sociedade devem ser destinadas ao Papai Noel, com indicação do remetente, contendo nome completo, e endereço completo. Também é preciso indicar a idade da criança, de 0 a 10 anos. Pessoas com necessidades especiais não possuem limite de idade. As cartas devem solicitar, preferencialmente, brinquedos, roupas, calçados e material escolar.

Como doar?
A adoção pelos padrinhos é feita da mesma maneira em todo o Brasil: as cartinhas enviadas pelas crianças são lidas e selecionadas de acordo com os critérios da campanha. Os Correios não distribuem cartas para adoção diretamente à população nas residências, e por isso elas ficam disponíveis nos locais indicados no blog da campanha.

Saudade
Ao pensar em Papai Noel, uma imagem não foge à memória dos friburguenses: o Papai Noel da antiga loja Ventura Chocolates. Com o sininho, distribuía balas pelas ruas do centro da cidade. Tempos bons que não voltam mais. 

Palavreando
“A felicidade é um escândalo que deveria saltar das páginas dos jornais. Ser feliz é o escândalo que quero que insista em me visitar”.

Foto da galeria
​Não custa rememorar um belo trabalho liderado pelo saudoso Jaburu a frente do Gama, o Grupo Arte, Movimento e Ação. Os monumentos que surgiram em quatro praças do município. A maioria deles se encontra em estado de abandono, com o mato crescendo em volta das obras de Felga de Moraes. A homenagem a Guignard (em destaque) e os demais poderiam ser explorados como pontos turísticos.
Publicidade
TAGS:
Wanderson Nogueira

Wanderson Nogueira

Observatório

Jornalista, cronista, comentarista esportivo, já foi vereador e deputado. Ufa! Com um currículo louvável, o vascaíno Wanderson Nogueira atua com garra no time de A VOZ DA SERRA em Observatório, sua coluna às terças e quintas.

A Direção do Jornal A Voz da Serra não é solidária, não se responsabiliza e nem endossa os conceitos e opiniões emitidas por seus colunistas em seções ou artigos assinados.