Fantasia de carnaval

Massimo

Massimo

Coluna diária sobre os bastidores da política e acontecimentos diversos na cidade.

sexta-feira, 01 de março de 2019

Para pensar:

“Com papas e bolos se enganam os tolos”.

Ditado popular

Para refletir:

“Vá à forra se desejar, que é Carnaval. Mas não se jogue fora.”

Geissis Bispo

Fantasia de carnaval

Um blogueiro da cidade vem disseminando, através do aplicativo WhatsApp, informações inverídicas sobre o jornal A VOZ DA SERRA, na busca da autopromoção a qualquer custo. Na versão ao qual o Massimo teve acesso, um gráfico, supostamente, mostra os dados do site do jornal comparando-os aos deu seu blog, dizendo que a fonte das informações seria o Google. 
Pura fantasia!
 
Fake news (1)

Já é sabido que a circulação de informações com objetivos excusos, pelo WhatsApp, costumam ser falsas, principalmente quando não vêm de fontes confiáveis. Neste caso, não é diferente. Os dados que circulam, ao menos no que se referem ao jornal, estão longe de ser verdadeiros. E basta um mínimo de intimidade com a ferramenta que mede estas informações na internet, o Google Analytics, para reconhecer que as imagens, claramente, não foram originadas de lá, como diz o blogueiro. 

Fake news (2)

Mas, para você que ainda tem alguma dúvida da má-fé do camarada, bastam alguns questionamentos simples para deixar claro que os números divulgados por ele são falsos... Por que repassar informações sobre seus próprios números de acesso através de imagens, sem fonte, quando ele poderia, se quisesse, divulgar os seus dados verdadeiros diretamente do Google Analytics? Se ele realmente acredita que os números divulgados são verdadeiros, por que repassá-los, sorrateiramente, por WhatsApp, e não publicá-los em seu blog?
Caia na folia, mas cuidado para não cair em fake news! 
Quem avisa, amigo é! 

Primeira emenda

Nossa nova Lei Orgânica Municipal deve sofrer sua primeira emenda muito em breve.

Uma pena, por um lado, mas compreensível e necessário por outro.

Na prática nunca é possível prever todas as situações, e a complexidade criada pela suplência do vereador Sérgio Louback, na Alerj, se enquadra bem neste rol de situações imprevisíveis.

Teor

Em essência, a emenda deve passar a prever que um vereador não precise renunciar a seu mandato quando vier a assumir uma cadeira em parlamento de esfera superior, desde que o faça na condição de suplente.

Cá entre nós, uma emenda que parece razoável.

Não seria justo, afinal, abrir mão de um mandato obtido a partir da vontade popular para eventualmente ficar apenas um ou dois meses na Alerj.

Para o futuro

É válido registrar, no entanto, que o caso específico de Louback não tem a perspectiva de durar pouco, caso se confirme sua posse no parlamento estadual.

Afinal, além de estar preso, Chiquinho da Mangueira, titular da cadeira em questão, também enfrenta problemas de saúde.

Ainda assim, a emenda parece oportuna e justa.

Deve passar sem problemas.

Vem mais?

Resta ver se algum outro ajuste se fará necessário a partir da pendenga que se anuncia para definir quem será o suplente de Louback - que nem deixou a Câmara ainda.

No páreo estão Dr. Luis Fernando e Benrique, e nos dois lados há pessoas convictas de que estão amparadas pela legislação.

Nasceu torto

Falando francamente, esse é o resultado que se tem quando a escolha partidária não se dá por questões ideológicas (uma palavra que tem sido muito deturpada ultimamente, por sinal), mas sim pelo grau de facilidade que ele possa agregar à eleição.

Se algo começa errado, vai errado até o fim.

¡Bienvenido!

Ao que parece, o craque Romerito, eterno ídolo da torcida do Fluminense, gostou bastante da calorosa recepção que teve aqui em Nova Friburgo, dois anos atrás.

Afinal, após ter considerado um retorno em 2018, ele estará de volta neste ano, para desfilar na condição de homenageado do bloco Máquina Tricolor.

Sagrado

O desfile acontece neste sábado, 2 de março, às 17h. Mas a concentração - certamente a melhor oportunidade de tirar uma foto com o ídolo - acontece a partir das 13h, ao lado da Prefeitura.

Para os tricolores do céu e da terra, como este que vos fala, é programa imperdível.

Tempos modernos

Que tempos são esses em que a nomeação de uma pesquisadora reconhecida internacionalmente, como Ilona Szabó, a um cargo de suplência num conselho que deveria representar a sociedade, é motivo de escândalo?

E que tais os argumentos utilizados nas fake news para justificar tal posicionamento?

Muito além de concordâncias ou discordâncias, o colunista acredita que é justamente em eras tão passionais quanto a que vivemos que mais precisamos ouvir com atenção quem ainda se atreve a estudar antes de abrir a boca.

Saber curtir

Carnaval chegou, e para alguns essa notícia é sempre mais animadora do que para outros.

Nesses dias mágicos tudo parece ser possível, e por isso mesmo são dias que demandam doses necessárias de responsabilidade e atenção.

Afinal, exagerar na dose pode estragar sua própria festa, e a de muitos outros.

Saber curtir (2)

Tanta coisa boa, tantas opções, tantas histórias esperando para serem escritas… Simplesmente não é inteligente desperdiçar esse tempo com brigas ou riscos desnecessários.

Aos leitores que são de festa o Massimo deseja muita alegria, e aos que são de descanso que consigam repor as energias.

A todos, no entanto, a coluna deseja que saibam curtir “suas praias” com o devido respeito.

Respostas

Até o fechamento desta coluna haviam reconhecido corretamente o inconfundível lago de Lumiar, os leitores José Nilson, Marcelo Machado e Sérgio Silva.

Como sempre, respostas recebidas após o fechamento serão incluídas em nosso próximo encontro.

Parabéns a todos, e um ótimo carnaval!

Foto da galeria
Publicidade
TAGS:

Massimo

Massimo

Coluna diária sobre os bastidores da política e acontecimentos diversos na cidade.

A Direção do Jornal A Voz da Serra não é solidária, não se responsabiliza e nem endossa os conceitos e opiniões emitidas por seus colunistas em seções ou artigos assinados.