Indústria cresce

Antônio Fernando

Blog do Antônio Fernando

Friburguense, jornalista, 65 anos, taurino e vascaíno. Antônio Fernando atuou em diversos veículos de Nova Friburgo e atualmente é redator das colunas Radar e Impressões onde ele deleita o leitor de A VOZ DA SERRA com suas visões peculiares sobre o mundo.

quarta-feira, 06 de junho de 2018

Indústria cresce

O faturamento da indústria aumentou 1,5% em abril na comparação com março, informou a Confederação Nacional da Indústria na segunda-feira, 4. O dado é referente à série livre de influências sazonais. Com esse resultado, o indicador de faturamento industrial fechou o quadrimenstre (de janeiro a abril) com alta de 6,9% na comparação com o mesmo período do ano passado. Em termos reais, o faturamento atual é 12,2% superior ao registrado há 12 meses.

Estatal pode negociar

A Petrobrás negocia uma alternativa para a mudança da periodicidade de reajuste dos combustíveis, mas rejeita qualquer proposta que não respeite a paridade com os preços internacionais ou que represente prejuízos para o caixa da companhia, segundo apurou o jornal O Estado de S. Paulo. Esse espaço de negociação, na prática, estava ocorrendo ainda na gestão de Pedro Parente, que deixou o comando da empresa, na semana passada, depois de intenso bombardeio político e de setores da população.

******

Em janeiro, a estatal já havia alterado a periodicidade de reajuste do gás de cozinha de mensal para trimestral. Foi o primeiro movimento.

Depois, a empresa aceitou uma política de reajuste diferenciada para o diesel e que será subsidiada pela União. Mas a pressão continua para mudanças também na gasolina e no preço do gás de botijão (GLP).

Famílias menos endividadas

A Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic), apurada pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), mostra que o percentual de famílias com dívidas alcançou 59,1% em maio, apresentando uma queda em relação aos 60,2% observados em abril. Houve redução também em relação a maio de 2017, quando o indicador alcançou 60,7% do total de famílias.

*****

O estudo mostra que a proporção das famílias com dívidas ou contas em atraso diminuiu este mês, passando de 25,0% para 24,2% do total. Na comparação anual, houve redução de 1,3 ponto percentual.

Enel compra a Eletropaulo

A gigante italiana da energia Enel tornou-se a maior distribuidora de eletricidade do Brasil, ao comprar,  73% das ações da Eletropaulo, na última segunda-feira, 4, por R$ 5,55 bilhões (mais de 1,48 bilhão de dólares), após uma longa queda de braço com a espanhola Iberdrola. Com a compra, a Enel torna-se controladora da Eletropaulo, que atende a capital paulista e 23 cidades da região metropolitana de São Paulo.

*****

A empresa será a maior distribuidora de energia do país e ultrapassando a Companhia Paulista de Força e Luz (CPFL), da chinesa State Grid. A Enel já controla distribuição de energia no Rio de Janeiro, no Ceará e em Goiás, além de usinas eólicas e solares.

Poucos viajantes

Quase metade dos brasileiros (49,1%) que pretendiam viajar durante o feriado de Corpus Christi na semana passada tiveram que cancelar os planos por causa da greve dos caminhoneiros, segundo pesquisa da Fecomercio-SP divulgada na última segunda-feira, 4.

*****

Entre as pessoas que iriam viajar, só 20,4% mantiveram os planos, enquanto 12,4% precisavam conseguir combustível e 4,5% esperavam a confirmação ou cancelamento do voo que haviam comprado. Os dados apontam também que 53,4% dos entrevistados não planejavam viajar desde o começo e que 46,6% tinham planos definidos de viagem.

Fim da Monsanto

A alemã Bayer finalizará a aquisição da Monsanto por US$ 63 bilhões amanhã, 7, e também aposentará o nome de 117 anos do fabricante de sementes dos Estados Unidos. A farmacêutica alemã recebeu todas as aprovações necessárias das autoridades reguladoras, disse anteontem em um comunicado.

*****

“A Bayer continuará a ser o nome da empresa. A Monsanto não será mais o nome da companhia. Os produtos adquiridos manterão suas marcas e se tornarão parte do portfólio da Bayer”, afirmou.

Esperava-se que a Bayer se livrasse do nome da empresa-alvo. A Monsanto, a maior — embora não a única — fabricante de sementes geneticamente modificadas, tem sido um para-raios para a oposição dos ambientalistas à tecnologia.

Publicidade
TAGS:

Antônio Fernando

Blog do Antônio Fernando

Friburguense, jornalista, 65 anos, taurino e vascaíno. Antônio Fernando atuou em diversos veículos de Nova Friburgo e atualmente é redator das colunas Radar e Impressões onde ele deleita o leitor de A VOZ DA SERRA com suas visões peculiares sobre o mundo.

A Direção do Jornal A Voz da Serra não é solidária, não se responsabiliza e nem endossa os conceitos e opiniões emitidas por seus colunistas em seções ou artigos assinados.