Semana da Língua Alemã terá Mostra de Filmes a partir desta segunda

Evento gratuito acontece na Usina Cultural Energisa e é resultado de parceria entre os consulados da Suíça e Alemanha e o polo audiovisual SerraAção
sábado, 14 de abril de 2018
por Jornal A Voz da Serra
Foto de capa
As produções alemãs serão exibidas na Usina Cultural Energisa

Os amantes de cinema têm encontro marcado em Nova Friburgo nestas segunda, terça e quarta-feiras, dias 16, 17 e 18. É que os consulados da Suíça e Alemanha promovem a Mostra de Filmes em Alemão. As sessões acontecem às 18h, sempre na Usina Cultural Energisa (Praça Getúlio Vargas, 55) , e são gratuitas. Além de fazer parte da Semana da Língua Alemã e contar com o apoio do Instituto Goethe, o evento - que também conta com a parceria do SerraAção - Polo Audiovisual de Nova Friburgo e Região - faz parte das comemorações para os 200 anos de Nova Friburgo.

 Nesta segunda-feira, 16, a mostra terá a participação do cônsul geral, Rudolf Wyss, e cônsul geral adjunto da Alemanha, Johannes Bloos. Logo em seguida, haverá apresentação do filme “Entre Culturas”, do suíço Peter K. Wehrli e Peter von Gunten. A obra retrata a conta a história de Thomas Mann, um dos mais importantes escritores alemães, que muitos consideram filho de alemães, mas tem mãe brasileira. É uma busca cinematográfica de pegadas nas cidades de Paraty e Lübeck, assim como no trabalho de Thomas, Heinrich e Julia Mann. O autor do filme, Peter K. Wehrli, inclusive, fará um debate sobre a obra após a exibição. Evento que também contará com a presença do produtor Peter Spoerri.     

Na terça-feira, 17, será a vez do filme suíço “Mulheres Divinas”, de Petra Volpe. A produção remonta à Suíça dos anos 70 e mostra a luta de mulheres pelo direito ao voto feminino no país. O longa foi vencedor do prêmio do público no Festival de Tribeca, nos Estados Unidos, e foi escolhido pela Suíça para representar o país no Oscar 2018. Após a exibição haverá debate. Já na quarta-feira, 18, último dia da mostra, será a vez do filme alemão “Os anos de chumbo”, de Margarethe von Trotta (Alemanha, 1981). A produção conta a história de Juliane e Marianne, que são filhas de um pastor protestante, e se afastam da severidade religiosa de seus pais para lutar pelos direitos das mulheres. Enquanto Juliane se torna uma jornalista engajada, sua irmã faz parte de uma organização terrorista. Quando Marianne é presa, Juliane decide ajudar a irmã, apesar das diferentes opiniões sobre como viver. Neste dia, também haverá debate após a sessão.

LEIA MAIS

Cacá Ottoni interpreta autista no filme “Canastra Suja”, que estreia nesta quinta nos cinemas de todo o Brasil

Cidade vai na contramão do país, que bateu em abril recorde de 1975, atingindo pico histórico de 3.279 pontos em funcionamento

Filme “Antes que eu me esqueça” conta com dois talentos de uma família da cidade

Publicidade
TAGS: Cinema