Santa Maria Madalena realiza a 3ª Flim neste fim de semana

quarta-feira, 22 de agosto de 2012
por Jornal A Voz da Serra

Neste fim de semana, dias 24, 25 e 26, será realizada a Flim 2012 – III Festa Literária de Santa Maria Madalena, que terá como homenageada especial a escritora Clarice Lispector (1920-1977).

Entre outras atrações, haverá diversas atividades relacionadas à vida e obra da autora, com atrativos para públicos de todas as idades. A cerimônia de abertura será dia 24, às 19h, na Casa de Cultura. Nos dias 25 e 26, a feira estará aberta a partir das 10h.

O evento é uma realização da Prefeitura, Associação Comercial, Industrial e Agrícola de Santa Maria Madalena (Acia), Largo das Letras Livraria e Café, com apoio da Secretaria Estadual de Agricultura e Pecuária.

A abertura oficial, na sexta, às 19h, terá apresentação do Coral Madalenense, seguida de homenagem a Clarice Lispector pelos alunos do Ciep 273. Às 20h, lançamento do livro “Jabuticabas”, de Eurídice Hespanhol, ambos os eventos na Casa da Cultura Francisco Portugal Neves.

 

Mais de 12 horas ininterruptas de arte e cultura

 

No sábado, das 10h às 11h, abertura com contação de histórias e produção de desenhos com Gerson Yunes e Rita Nicolau, no Colégio Barão de Santa Maria Madalena, e das dez horas ao meio-dia, “Livro Virtual”, produção de livro de Clarice Lispector com imagens e sons. Também das 10h às 12h, o evento “Jovem Talento: Exposição de desenhos”, de Tayane Estellet Buzzi, ambos no Telecentro Comunitário.

As atividades do sábado serão encerradas às 22h30, com um sarau poético-musical promovido pelo Movimento Poetas sem Fronteiras. Entre outras, haverá “Oficina Ambiental” do Inea, “Arte com Clarice” (por alunos da Escola Hélio de Souza Martins), “Arte com Livros”—exposição de esculturas feitas com livros, na Biblioteca do Colégio Barão de Santa Maria Madalena.

E ainda: “Clarice Múltipla”—exposições e dramatizações—e “Cine Ciep”, com exibição de filme produzido pelos alunos do Ciep 273, no Casarão de Dercy; Oficina de Maquetes e Jogo “Tesouros de Madalena”, sobre o patrimônio histórico madalenense, com Andréa Sampaio e Sergio Bahia, da UFF; “Um olhar sobre a cidade”—exposição de fotografias—, “Cantando e ouvindo histórias”, com Neuza Feijó; “Maria do Desterro”—exposição de pinturas—, bate-papo com o autor Aldemir Guimarães; palestra de Teresa Montero, escritora e biógrafa de Clarice.

A partir das 12h e até o fim da noite do sábado, estão programadas as seguintes atividades: “Clarice – Obra, Genialidade e Atemporalidade”, em palestra de Wander Lourenço, doutor em literatura comparada; “Poesia a toda hora”, com espaço livre para declamação de versos; jornal O Madalenense, obra-prima de Ivo Scarini Marretto; “A vida íntima de Laura”, dramatização por alunos da escola rural Corrégio de Castro; “Clarice na Escola – varal de poemas”; exposição de maquetes e dobraduras, dos alunos da escola rural Agulha dos Leais; “Reinventando Clarice”—exposição de peças produzidas pelos alunos da escola rural Vista Alegre; “Em torno de Clarice”—exposição de objetos produzidos pelos alunos da escola rural Osório Bersot.

A programação além de extensa é intensa, como bem divulgado acima, abrangendo saraus, jograis, lançamento de livros, peças teatrais, palestras, exposições, shows musicais, teatro poético etc.

 

domingo

 

No terceiro e último dia da Flim, a festa em torno da arte e cultura no município de Madalena vai começar às 10h, com “Teatro na Creche – A vida íntima de Laura”, pelos alunos da creche Casa da Criança. E continua com contação de histórias e produção de desenhos, exibição de filmes, debates. E mais: distribuição de mudas de árvores nativas e oficina ambiental do Inea (UCs como produtoras de água e biodiversidade); exposição de livros da Comunidade Espírita; “Arte com Livros”—exposição de esculturas feitas com livros; exposição de fotografias; apresentação do escritor Vilmar Berna para crianças e jovens; e bate papo com o autor Wanderlino Teixeira Leite Netto.

E por aí vai, com mais e mais palestras, musicais, atividades artísticas com professores, feira de livros, tenda dos autores independentes, feira de artesanato, Literarteen – O jornal do Ciep na Flim, Domingo Doce (venda de bolos e tortas) e Futebol Literário. O encerramento será às 18h, com inauguração da placa comemorativa da Flim 2012 e recital do pianista David Salomão.

LEIA MAIS

Para presidente da AFL, será um momento de troca de experiências visando a lançar as bases para a criação de uma cooperativa no estado

Presidente destaca que casa nasceu livre e tão bela quanto seu lema: "Cultuar a arte é sublimar o espírito”

Casa nasceu nos bancos da Praça Presidente Getúlio Vargas, sem portas, paredes ou janelas

Publicidade
Agora Faz
TAGS: Literatura