Ônibus de Natal da Faol já está em circulação

Desde domingo, veículo pilotado por Papai Noel arrecada donativos e encanta crianças pela cidade
terça-feira, 12 de dezembro de 2017
por Jornal A Voz da Serra
Foto de capa

Sem itinerário ou horário pré-definidos, desde o último domingo, 10, um ônibus modelo jardineira dirigido por Papai Noel, vem arrecadando donativos e encantando crianças e adultos em Nova Friburgo. Todo decorado com temas natalinos e dezenas de luzes de led, o veículo faz parte da campanha “Estação Livre da Fome” , que segue até o próximo sábado, 16.

De acordo com a empresa Friburgo Auto Ônibus (Faol), responsável pela iniciativa, já foi arrecadada cerca de uma tonelada de alimentos não perecíveis em apenas dois dias. O projeto tem como objetivo ajudar parte da população carente que, dentre tantas coisas, necessita de carinho, atenção e respeito.

Ainda segundo a nova direção da Faol, quem doar dois quilos de alimentos não perecíveis ganha um cartão Fricard, com duas passagens. Um estande do projeto foi montado na Estação Livre (antiga rodoviária urbana), na Praça Getúlio Vargas para receber os donativos, sempre das 8h às 17h . “Ao todo 300 pessoas já ganharam o cartão e temos 700 ainda para distribuir”, disse o diretor da empresa, Paulo Valente.

Todos os alimentos arrecadados serão entregues no próximo sábado, 16, às 19h, à Secretaria Municipal de Assistência Social, que fará a distribuição. A entrega acontecerá na Estação Livre com a participação do coral Ceifa, que entoará as tradicionais músicas natalinas.

A “Estação Livre da Fome” é realizada em parceria com a prefeitura e conta com o apoio cultural de A VOZ DA SERRA e das empresas  Fricard, Stam, Itabus, Rodolub, Silkline, Sonora e Transrio. Mais informações sobre o projeto e doações podem ser obtidas pelo telefone (22) 2533-9900.

LEIA MAIS

Além de se apresentarem nas praças, grupos percorrem as casas com cantorias e demonstração de alegria

Ocupação durante as festas de fim de ano superou as expectativas dos empresários do setor

Enquanto alguns aprovam redução do movimento, outros criticam excesso de lojas e serviços que interrompem atividades

Publicidade
Agora Faz
TAGS: Natal