Marlon Moraes só precisou de 33 segundos para nocautear americano no UFC Utica

Friburguense aplicou um chute certeiro na cabeça. Agora, ele quer o cinturão
sábado, 02 de junho de 2018
por Guilherme Alt (guilherme@avozdaserra.com.br)

O friburguense Marlon Moraes continua em alta no UFC. Em apenas 33 segundos, o lutador nocauteou Jimmie Rivera (EUA), atual quarto colocado do ranking, na categoria peso galo (até 61kg) e provou que merece uma chance para disputar o cinturão. Quem esperava um duelo equilibrado, assistiu o brasileiro massascrar seu adversário.

É a terceira vitória seguida de Marlon, que se candidatou a ser o próximo desafiante ao título. “Quero dedicar essa vitória ao meu filho, minha esposa está grávida. Estou muito feliz, esses caras (treinadores) sabem o quanto eu trabalho todos os dias. Estou pronto. Quero lutar pelo título! Comecei a treinar kickboxing aos nove anos de idade. Quero o bônus para o meu filho que está a caminho”, disse o friburguense.

Antes de subirem no octógono, os lutadores trocaram farpas, tanto que no início da luta era visível a rivalidade entre os dois. O tradicional toque na luva que indica o fair play não aconteceu. Para sorte de Rivera, o friburguense tratou logo de encerrar a rixa, com um chute que acertou em cheio a cabeça do adversário. O americano caiu, recebeu alguns socos também na cabeça e o árbitro foi obrigado a parar a luta, dando a vitória por nocaute para Marlon.

Será que está pintando um campeão friburguense?

 

LEIA MAIS

Com mais essa vitória, atleta de 18 anos segue na briga pelo título do ranking

Gilberto Chermauth Filho foi classificado para o Campeonato Pan-Americano de Kickboxing que acontece no México em outubro

Além do lugar mais alto do pódio, Gilberto Chermauth Filho conquistou vaga para o Pan de Cancun, em agosto

Publicidade
TAGS: marlon moraes | UFC