Evento em Petrópolis nesta terça discute soluções para o turismo na Região Serrana

Palestra de ex-prefeito Pedro Bertolucci aborda “case” de Gramado, que virou potência do setor
segunda-feira, 11 de junho de 2018
por Jornal A Voz da Serra
Foto de capa
Gramado: "case" de sucesso

O Palácio Quitandinha, em Petrópolis, sedia nesta terça-feira, 12, o primeiro encontro regional do Comitê Técnico Setorial sobre o turismo na Região Serrana. Parte de um amplo programa voltado para o desenvolvimento das vocações do Estado do Rio, os comitês regionais têm o objetivo de abrir o diálogo e entender  as demandas locais.

O Comitê Técnico Setorial pretende aproximar o Senac-RJ de representantes do turismo na Região Serrana, identificar desafios, tendências, necessidades e sugestões desse mercado e reunir subsídios para o desenvolvimento de cursos e projetos educacionais alinhados às demandas dos empresários e da sociedade. A diretora do Senac-RJ, Ana Cláudia Martins, ressalta que esse encontro será o primeiro diálogo na Região Serrana dentro de um programa mais amplo voltado para o desenvolvimento do turismo no estado.

No encontro, o ex-prefeito de Gramado (RS) Pedro Bertolucci vai ministrar a palestra “Caminhos para o turismo”, abordando a trajetória da cidade gaúcha que, em menos de 30 anos, deixou de ser uma pacata localidade de descanso para se transformar em um dos principais destinos turísticos do país. A experiência e as soluções encontradas podem ser inspiração para políticas de incentivo ao turismo em cidades de porte semelhante, como Petrópolis, Teresópolis e Nova Friburgo.

O encontro do Comitê Técnico Setorial começa com a participação do interventor do Senac-RJ, Luiz Gastão Bittencourt.  Constituído por representantes de empresas, associações de referência, sindicatos patronais e de trabalhadores, membros da sociedade civil, do meio acadêmico e de instituições de pesquisa, ciência e tecnologia, além de especialistas do próprio Senac-RJ, o Comitê Técnico Setorial é uma ferramenta de escuta do mercado acerca das demandas do mundo do trabalho, da sociedade e dos diversos setores atendidos pela instituição.

Com PIB de R$ 24 bilhões, 3,6% do PIB do estado, a Região Serrana tem no turismo histórico e ecológico uma de suas principais atividades. O fluxo expressivo de turistas contribui para o desenvolvimento de outras atividades como comércio de rua, bares, restaurantes, pousadas e hotéis. De acordo com informações do Ministério do Trabalho, a região tem 22,3 mil estabelecimentos do comércio de bens, serviços e turismo. Dos 182,6 mil empregos formais na região, 72,2 mil (39,6%) são em atividades ligadas ao esse setor.

Segundo dados do Senac RJ, o setor turístico emprega mais de 300 mil profissionais fluminenses, em diversas ocupações, como camareiros e recepcionistas de hotel, agentes de viagem, entre outros, além de gerar renda para profissionais autônomos como guias turísticos e motoristas.

Veja a programação:

Local: Salão das Convenções do Palácio Quitandinha (Av. Joaquim Rolla, n º 2 – Quitandinha – Petrópolis – RJ)

Horário: 8h às 13h

8h - Welcome Coffee

8h30 - Abertura: Diretoria Regional Senac RJ

8h40 - Marcelo Valente - Secretário de Turismo da cidade de Petrópolis

8h50 - Palestra: Caminhos para o turismo – Pedro Bertolucci – Benchmarking - Cidade de Gramado

10h30 – Coffee Break

11h – Atividade: Proposta de portfólio de Turismo, Hospitalidade e Lazer para a Região Serrana

13h - Encerramento

 

 

LEIA MAIS

Esquema de pare-e-siga vai ser adotado para instalação de vigas de concreto no alargamento de duas pontes

Segundo prognóstico de meteorologista, frio mais intenso vai de agora até meados de julho, apenas

Além de cerveja artesanal, gastronomia variada, música ao vivo e concurso de chope a metro fazem parte das atrações

Publicidade
TAGS: Turismo