Em visita à Faol, prefeito confere a nova frota de ônibus

Alguns dos 30 novos coletivos com climatizadores e suspensão a ar já estão nas ruas
sexta-feira, 06 de outubro de 2017
por Guilherme Alt
Foto de capa
O prefeito Renato Bravo assume o lugar do motorista de um dos novos ônibus da Faol (Foto: Henrique Pinheiro)

O prefeito Renato Bravo, secretários e vereadores conheceram nesta sexta-feira, 6, os novos ônibus adquiridos pela Faol. A frota na cor padrão azul e com o selo dos 200 anos de Nova Friburgo nas laterais e na parte traseira, é equipada com climatizadores que garante temperaturas agradáveis aos passageiros, tanto em dias frios, como quentes. Os veículos também tem suspensão a ar e entradas para cabos USB, facilitando a vida dos usuários que poderão carregar seus celulares durante as viagens.

A chegada dos novos ônibus sem cadeiras para os cobradores, no entanto, incrementa a polêmica da dupla função que vem sendo exercida pelos motoristas de ônibus. “É uma questão que eu irei conversar com a empresa”, afirmou o prefeito, que, durante a visita, assistiu a uma demonstração da utilização dos elevadores para cadeirantes e até posou para fotografias sentado ao volante de um dos ônibus. O vereador Aylter Maguila, que é ex-funcionário da Faol, chegou a dirigir um ônibus climatizado na garagem.

Além dos novos ônibus, foi anunciada a instalação de uma central de monitoramento por GPS na Prefeitura e na Faol. “Com ela, iremos acompanhar em tempo real onde os ônibus estão, o cumprimento de horários e o atendimento ao público. Vamos ficar atentos para saber das necessidades da população”, completou Bravo. “A tendência é que os bairros mais populosos recebam essa frota e isso dará espaço para que as localidades mais distantes tenham mais ônibus disponíveis. A ideia é fazer um sistema circular-central e assim desobstruir o trânsito no Centro da cidade”, anunciou o diretor da nova Faol, Paulo Valente.

 

LEIA MAIS

Veículos estavam circulando sem o selo de vistoria de 2017

Coletivos estavam circulando com placas de outro município, segundo prefeitura. Faol alega dificuldade para agendar vistoria

Greve dos caminhoneiros deixou motoristas sem combustível para ir ao posto do Detran

Publicidade
TAGS: faol | Trânsito