“Einstein - Um homem no espaço e no tempo” ganha o Troféu Jaburu do FIT

Estudantes surpreendem no Festival Intercolegial de Teatro com a qualidade das montagens
segunda-feira, 28 de agosto de 2017
por Jornal A Voz da Serra
Foto de capa
“Einstein: Um homem no espaço e no tempo” foi eleita a melhor peça (Divulgação)

No último fim de semana, de sexta-feira, 25, a domingo, 27, Nova Friburgo teve uma atração extra com o VI Festival Intercolegial - FIT Jaburu, uma realização do Colégio Nossa Senhora das Dores (CNSD). O evento contou com a participação de estudantes das redes particulares e públicas de todo o Estado do Rio, uma tradição no calendário cultural da cidade há dez anos.  

Segundo a diretora do CNSD, Jean Beatriz Wermelinger, a qualidade dos espetáculos apresentados conquistou a plateia que reagiu com entusiasmo. “Quanta criatividade! Quanta alegria e entusiasmo da garotada! Quanto compromisso e dedicação dos profissionais, dos apoiadores, dos funcionários das escola, especialmente da escola anfitriã! Só Deus para recompensar a todos por tanta disponibilidade. Foi lindo! Agradeço, em nome de nossa equipe, a cada um e a cada uma que viveu mais essa experiência conosco”, comentou.  

Os premiados por cada categoria são:

  • Espetáculo - “Einstein: Um homem no espaço e no tempo”, direção Cleiton Rasga (Colégio QI, Tijuca, Rio de Janeiro).

  • Direção - Gabriela Ribas, “O Canto da Praça” (Colégio Nossa Senhora das Dores).

  • Ator - Henrique Vidal, “Einstein” (Colégio QI, RJ).

  • Atriz - Bárbara, “Sete” (Colégio Nossa Senhora das Mercês).

  • Ator coadjuvante - Gabriel, “Sete” (Colégio Nossa Senhora das Mercês).

  • Atriz coadjuvante - Giovana Loneghetti, “Einstein” (QI, RJ).

  • Cenário - Ericeira Jr. e Henrique Kaladan, “Tem Folclore na Floresta” (Colégio Notre Dame, Rio de Janeiro).

  • Figurino - Maria Clara Wermelinger, “O Canto da Praça” (Colégio Nossa Senhora das Dores)

  • Iluminação - Davi Israel “O Navio Negreiro” (Escola Estadual Eunice Weaver, Rio de Janeiro).

  • Maquiagem - Mary Recarey, “Navio Negreiro” (E.E. Eunice Weaver, Rio de Janeiro).

  • Sonoplastia - Andrea Cevidanes e Isabela Rangel, “Deixa Que Eu Conto” (Colégio Pentágono, Rio).

LEIA MAIS

Brasil Mon Amour, musical produzido por Bernardo Dugin, tem apresentação única no sábado, no Municipal

Peças “Não tô entendendo nada” e “Em busca do riso perdido” vão informar e divertir

Comediante de “A Praça é nossa”, do SBT, foi aplaudido de pé. Em entrevista para A VOZ DA SERRA, revelou grande carinho por Friburgo

Publicidade
TAGS: Teatro