Dez times iniciam a briga pelo título da Supercopa SAF 2018

Temporada começa neste domingo, com decisão em 22 de julho, após cinco rodadas
sábado, 19 de maio de 2018
por Vinicius Gastin (esportes@avozdaserra.com.br)

Desde que foi criada a Supercopa SAF de Futebol Amador, há cinco anos, a taça de campeão da competição passou a ser o objeto de desejo de todas as equipes da modalidade em Nova Friburgo. Apenas três tiveram o privilégio de erguê-la, e quem conseguir o feito nesta temporada vai entrar duplamente para a história, ao ser coroado no ano do bicentenário do município.

A sexta edição vai ter início neste domingo, 20, e a caminhada até a grande decisão, no dia 22 de julho, reserva cinco rodadas na primeira fase, quartas de final e semifinais. A abertura e o encerramento da competição acontecem no Estádio Márcio Branco, em Stucky.

Em 2018, dez equipes participam da Supercopa, divididas em duas chaves. O Grupo A é formado por São Lourenço, Estrela do Mar, Raça, Corujão e Nova Friburgo. Compõem a chave B, as equipes do Vargem Alta, Tio Dongo, Unidos do Alto, Barroso e Amparo. As equipes jogam e pontuam dentro do próprio grupo, e as quatro melhores de cada avançam, eliminando apenas o último colocado na fase inicial.

O duelo que abre a edição deste ano envolve Tio Dongo e Amparo, às 9h. O primeiro já chegou à decisão uma vez, enquanto o alvinegro é um dos que participaram de todas as edições. Na sequência, às 10h45, o Raça, um dos representantes do sexto distrito, encara o bicampeão Corujão. Às 12h45, os tradicionais São Lourenço e Nova Friburgo medem forças, enquanto o atual campeão Unidos do Alto inicia a briga pelo bi contra o Barroso, também de Olaria, às 14h45. O Vargem Alta, duas vezes campeão, e o Estrela do Mar, do sétimo distrito, folgam na primeira rodada.

Assim como é marca registrada da competição, a cada fim de semana as partidas acontecem em sedes diferentes. Além do Estádio Marcio Branco, que recebe a primeira rodada, as semifinais e a grande final, os campos do Serrano, em Olaria, São Lourenço, São Pedro da Serra, Amparo e o Pastão, em Conselheiro Paulino, também terão rodadas, sempre entre 9h e 14h45.

Outro detalhe que merece destaque é a participação da Liga Nova Friburgo de Desportos. Através dos diretores Jailson Silveira, Luciano Faria e Rodrigo Miranda, a entidade vai apoiar a sexta edição da Supercopa. Cada equipe receberá uma bola oficial do Campeonato Carioca deste ano.

A Supercopa

A Supercopa SAF surgiu em 2013, com a proposta de voltar a movimentar o futebol amador de Nova Friburgo em um contexto geral. Até então, cada bairro, distrito ou localidade realizava o próprio torneio, sem a integração característica dos antigos tempos do esporte no município. A ideia foi apresentada e aceita pelo patrocinador que dá nome à competição, sendo sucesso de público e movimentando cada estádio onde as partidas são realizadas. O dia da final conta com atrações diversas, tais como shows, apresentações, ações de cidadania, brinquedos, dentre outras.

Nas três primeiras edições, a decisão do torneio teve o azul e branco do Corujão de um lado e o preto e branco do Vargem Alta do outro. Em 2016, o Tio Dongo tirou o Corujão da festa, mas acabou derrotado pelo Vargem Alta, que sagrou-se bicampeão da Supercopa ao vencer a grande final pelo placar de 3 a 0. A Supercopa SAF 2017 registrou um total de 27 partidas, sendo 20 na fase de grupos e outras sete na fase mata-mata. Foram 98 gols marcados, resultando na alta média de 3,6 bolas na rede por partida.

O Unidos do Alto faturou o título inédito, e fez a festa da comunidade do Alto de Olaria. A tendência é que o campeão da competição passe a representar o município na Copa Rio de Ligas Municipais, assim como o Alto nesta temporada, o que naturalmente torna-se mais um atrativo para os clubes participantes.

Tabela da Supercopa SAF 2018

- 1ª rodada (20/05) – Estádio Márcio Branco (Stucky):

 9h - Tio Dongo x Amparo

10h45 - Raça x Corujão

12h45 - São Lourenço x Nova Friburgo

14h45 - Unidos do Alto x Barroso

Folga: Vargem Alta e Estrela do Mar

 

- 2ª rodada (27 de maio) – São Pedro da Serra:

9h - Nova Friburgo x Corujão

10h45 - Barroso x Amparo

12h45 - Vargem Alta x Trio Dongo

14h45 - Estrela do Mar x Raça

Folga: Unidos do Alto e São Lourenço

 

- 3ª rodada (3 de junho) – Friburguense:

9h - Barroso x Tio Dongo

10h45 - Corujão x São Lourenço

12h45 - Estrela do Mar x Nova Friburgo

14h45 - Unidos do Alto x Vargem Alta

Folga: Raça e Amparo

 

- 4ª rodada (10 de junho) – São Lourenço:

9h - Raça x Nova Friburgo

10h45 - Tio Dongo x Unidos do Alto

12h45 - Vargem Alta x Amparo

14h45 - São Lourenço x Estrela do Mar

Folga: Barroso e Corujão

 

- 5ª rodada (24 de junho) – Guilherme Gripp (Amparo):

9h - São Lourenço x Raça

10h45 - Estrela do Mar x Corujão

12h45 - Vargem Alta x Barroso

14h45 - Amparo x Unidos do Alto

Folga: Tio Dongo e Nova Friburgo

 

- Quartas de final (1º de julho) – Geraldo Leão (Pastão):

9h - 2º B x 3º A

10h45 - 1º A x 4º B

12h45 - 2º A x 3º B

14h45 - 1º B x 4º A

 

- Semifinais (8 de julho) – Estádio Márcio Branco (Stucky):

11h45 - Vencedor 3º jogo x vencedor 4º jogo

13h45 - Vencedor 1º jogo x vencedor 2º jogo

 

- Final (22 de julho) – 14h15 – Estádio Márcio Branco (Stucky)

 

LEIA MAIS

Atividades promovidas pelo Sesc vão desde aula de alongamento a shows, durante o dia inteiro

Nelson Mufarrej vai responder a questionamentos dos torcedores e apresentar panorama da atual situação do clube

Corujão atropela e Tio Dongo surpreende em nova rodada da Supercopa SAF

Publicidade
TAGS: futebol