Câmara aprova lei que altera fundo especial da Procuradoria

Projeto cria Centro de Estudos Jurídicos e prevê contratação de estagiários de direito
domingo, 18 de junho de 2017
por Jornal A Voz da Serra
Foto de capa

A Câmara dos Vereadores aprovou projeto de lei proposto pela Procuradoria Geral do Município que altera a lei do fundo especial da Procuradoria e cria o Centro de Estudos Jurídicos (Cejur). O projeto de lei chegou na última segunda-feira, 12, ao Executivo municipal para ser sancionado pelo prefeito Renato Bravo.

O Cejur permitirá a atualização permanente dos advogados/assistentes jurídicos que trabalham na defesa dos interesses da municipalidade. O projeto de lei também prevê a contratação de estagiários de direito, a exemplo do que ocorre no Poder Judiciário, Ministério Público e Defensoria Pública.

A equipe à frente da Procuradoria Geral do município ainda trabalha no sentido de implementar até o final deste ano a adequada distribuição dos honorários de sucumbência que, por lei, devem ser da titularidade dos assistentes jurídicos, como ocorre nas procuradorias dos Estados e da Fazenda Nacional.

 

LEIA MAIS

Empresa teve problemas técnicos na emissão dos boletos para pagamento das taxas

Projeto de lei já aprovado em 1ª discussão restringe apenas artefatos que causam explosões ou estampido

Serão oferecidas 13 vagas para cargos de nível médio e superior

Publicidade
Agora Faz