Bazar Pet é opção para presentes de Natal

Verba arrecadada será destinada à ONG Confraria Miados e Latidos, que recupera e castra animais abandonados
sábado, 16 de dezembro de 2017
por Guilherme Alt
Foto de capa
As barraquinhas da Miados e Latidos (Fotos: Guilherme Alt)

A ONG Confraria Miados e Latidos realiza durante todo este final de semana, em frente ao Ienf, um bazar com produtos voltados para os apaixonados por animais. São almofadas, bonecos, chaveiros, e outros produtos feitos de forma artesanal pelas apoiadoras da causa. Toda a verba arrecadada com a venda dos produtos será destinada a recuperação de animais feridos, castração e manutenção da ONG.

“A ONG cuida de animais abandonados, tem gastos com gatos e cachorros que precisam ser castrados, veterinário, outros cuidados médicos, ração, entre outros. Esperamos que o nosso trabalho possa gerar recursos para manter a nossa paixão por cuidar deles”, disse Evelyne Ferreira, organizadora do bazar.

Comprando um presentinho de Natal desenvolvido pelos voluntários da ONG, é possível ajudar o trabalho sério desenvolvido pela ONG.

Após serem resgatados pela ONG, a maioria se recupera sem nenhuma lesão, mas muitos que não tiveram a sorte de serem encontrados a tempo carregam as marcas do abandono para sempre.

O descaso e abandono com apenas um bichano significa o mesmo futuro para dezenas de outros, pois, sem a castração, eles encontram vários parceiros nas ruas e esses encontros resultam em muitas ninhadas, sempre com um final triste.  Além de várias parcerias, doações e um grupo de voluntários dedicados, esses animais precisam de resgate, alimentação, castração, medicação, cirurgias, reabilitação e adoção. Daí a importância do bazar, através do qual é possível garantir uma vida segura e uma história com final feliz para os bichinhos.

LEIA MAIS

Além de se apresentarem nas praças, grupos percorrem as casas com cantorias e demonstração de alegria

Ocupação durante as festas de fim de ano superou as expectativas dos empresários do setor

Enquanto alguns aprovam redução do movimento, outros criticam excesso de lojas e serviços que interrompem atividades

Publicidade
Agora Faz
TAGS: pets | Natal