Flinf: ativação de marcas

Giuseppe Massimo

Massimo

Coluna diária sobre os bastidores da política e acontecimentos diversos na cidade.

terça-feira, 11 de julho de 2017

Para pensar

“Saudade é melhor do que caminhar vazio.”

Peninha

Para refletir

“Se as raízes estão bem, todo o resto está bem."

Peter Sellers

Inesquecível

Desde o início da semana passada o amigo Girlan Guilland já vinha lembrando o colunista a respeito de um importante marco para a história de nossa cidade.

No dia 8 deste mês, o saudoso e politizado bispo Dom Clemente Isnard completaria 100 anos de idade se vivo estivesse.

Merecido

Mesmo à distância, o presidente do Legislativo, vereador Alexandre Cruz, foi um dos que renderam homenagens à Diocese de Nova Friburgo, através de uma Moção Especial de Louvor para celebrar a data.

Uma missa em homenagem a Dom Clemente foi celebrada na tarde de sábado, 8, na Catedral São João Batista, e na mesma oportunidade a moção foi entregue ao bispo Dom Edney Gouvêa Mattoso pelas mãos de Cíntia Perrut, esposa de Alexandre, que está representando a Câmara Municipal em Santo Tirso, Portugal.

Beleza serrana (1)

A bela Jéssika Lima, friburguense de 26 anos, tornou-se a mais nova Miss Plus Size do Estado do Rio de Janeiro ao vencer o concurso realizado na noite de sábado, 8, entre 24 candidatas, no Salão Nobre do Clube dos Advogados do Brasil.

Jéssika é formada em administração e trabalha como modelo há dois anos.

Beleza serrana (2)

Como prêmio ela - que agora se prepara para representar o Rio no concurso nacional - ganhou uma viagem com acompanhante para Buenos Aires, e também contratos para ser garota-propaganda das marcas que apoiam o evento.

A beldade é filha da vereadora Vanderleia Pereira Lima.

Parabéns, e boa sorte na próxima etapa do evento!

O coração sente

Quem entrar nas dependências do Hospital Maternidade através do acesso pela Rua Monsenhor José Antônio Teixeira não verá nada de errado.

Mas existe um problema ali.

Perigoso, mas ao menos fácil de ser resolvido.

Descarte correto

Logo na entrada existe uma pequena construção à esquerda, e, acima dela, há tempos uma grande placa de identificação abandonada está acumulando volume considerável de água parada.

A coluna publica uma imagem para mostrar exatamente onde está o problema, e orientar sua solução.

Seria interessante, contudo, apurar como isso ocorreu, para que episódios semelhantes não venham a se repetir…

Por outro lado...

Já em relação ao tão aguardado Hospital de Oncologia da Região Serrana, o colunista só pode dar os parabéns à Prefeitura por ter destacado guardas municipais para que façam a proteção de seu patrimônio, diante dos indícios de furtos observados recentemente.

É lamentável... Aliás, mais que isso, é desanimador que a absoluta alienação de alguns tenha tornado tal medida necessária.

Mas, ainda assim, o colunista aplaude a postura do governo, pois precisamos proteger o que é nosso.

Agenda cheia

A 9ª Subseção da OAB-RJ está com a agenda cheia de eventos a serem realizados nos próximos dias.

Nesta quinta-feira, 13, por exemplo, a instituição abre as portas de seu auditório para a realização de uma palestra extremamente pertinente.

A professora e advogada trabalhista Benizete Ramos de Medeiros abordará o tema: “Reforma Trabalhista; boa para empregado? Boa para o patrão?”, com início previsto para 18h30.

Imperdível.

O passado, sem filtros

Já no dia seguinte, a partir das 18h, a OAB será o palco apropriado para a apresentação do relatório final da Comissão da Verdade e da Justiça Chico Bravo.

A importância do momento pode ser facilmente atestada, entre outros fatores, pelas presenças confirmadas de dois deputados federais: Wadih Damous (PT) e Glauber Braga (Psol).

Autor da lei municipal que instituiu a comissão, o ex-vereador Cláudio Damião se pronunciou a respeito do trabalho realizado.

Aspas

“A atuação da Comissão da Verdade Chico Bravo, criada por lei municipal e empossada em 24 de junho de 2014, pautou-se por realizar debates e colher testemunhos de antigos sindicalistas, professores, artistas, trabalhadores, perseguidos políticos pela ditadura empresarial militar imposta a partir do golpe de 1964. A apresentação do relatório final, que condensa o trabalho de pesquisa e estudos processado nestes três anos, contribuirá para o melhor conhecimento dos momentos sombrios vividos pela população da Friburgo durante a ditadura.”

Flinf

A Flinf (Festa Literária de Nova Friburgo) é hoje um dos eventos de destaque no calendário cultural e turístico de Nova Friburgo. Por sua natureza e potencial, a festa oferece oportunidade para vários segmentos realizarem negócios com produtos e serviços.

Em vias de realizar a segunda edição do evento, os produtores da curadoria Conectivos apresentam durante café da manhã nesta quarta-feira, 12, na Associação Comercial de Nova Friburgo (Acianf) a proposta de ativação de marcas na Flinf. A apresentação é destinada a empresários associados ou não à entidade.

Respostas

Até o fechamento desta edição, apenas Silvio Poeta havia acertado o desafio enviado pelo leitor Marcelo Machado, que a coluna publicou na última sexta-feira, 7.

“A foto mostra um vaso localizado nos jardins do Nova Friburgo Country Clube.”

Dica

A coluna pretende dar mais espaço às fotos dos leitores, e por isso se sente confortável para dar uma sugestão.

O ideal é sempre deixar um pouco da paisagem aparecer no corte final, a fim de que o desafio não fique difícil demais.

Por outro lado, claro, não pode haver informação demais, para que não fique extremamente fácil.

O ponto de equilíbrio fica a critério dos fotógrafos.

Pergunta

Para começar a semana, mais uma bela fotografia da amiga Regina Lo Bianco.

E aí, os colegas sabem dizer onde ela encontrou estes detalhes caprichados - ainda que não tão bem conservados - de nossa arquitetura?

Boa sorte, e uma ótima semana a todos.

  • Foto da galeria

  • Foto da galeria

Publicidade
Agora Faz
TAGS:

Giuseppe Massimo

Massimo

Coluna diária sobre os bastidores da política e acontecimentos diversos na cidade.

A Direção do Jornal A Voz da Serra não é solidária, não se responsabiliza e nem endossa os conceitos e opiniões emitidas por seus colunistas em seções ou artigos assinados.